2ª Geração

Kior: combustíveis renováveis com tecnologia proprietária original


- novaCana.com - - 24 jan 2013 - 09:00 - Última atualização em: 08 fev 2013 - 14:12
kior PERFIL DA EMPRESA
A KiOR é uma empresa de combustíveis renováveis de nova geração. A empresa desenvolveu uma plataforma de tecnologia proprietária original em duas fases para converter fontes de biomassa abundantes e sustentáveis em gasolina, diesel, combustível de aviação e óleo combustível celulósicos. Os biocombustíveis celulósicos da KiOR podem ser transportados por redes de distribuição já existentes e são adequados para o uso em veículos em circulação hoje. A KiOR se empenha em ajudar a diminuir a dependência de petróleo estrangeiro, reduzir a emissão de gases do efeito estufa e criar empregos de alta qualidade e benefícios econômicos para comunidades rurais.

A INSTALAÇÃO DE DEMONSTRAÇÃO INICIOU AS OPERAÇÕES EM 2010
kior inicio operacoes 2010[Legenda da foto: Instalação de demonstração KiOR]

LOCALIZAÇÃO: Pasadena, TX (Texas).
MATÉRIA-PRIMA: Resíduos florestais.
PRODUTOS: Gasolina celulósica, diesel celulósico para fins de pesquisa e desenvolvimento de negócios.
CAPACIDADE: 15 barris por dia.
PERFIL DA PLANTA: Produz até 15 barris por dia de óleo bruto renovável; instalação co-localizada com operações de pesquisa e desenvolvimento com cerca de 100 funcionários, 30 dos quais são doutores.

Parceiros da KiOR

De capital privado/ Investimento: Receitas de Oferta Pública Inicial foram de aproximadamente US$ 148,6 milhões. Participação acionária majoritária: Ações Classe A e B – 57,2 milhões / Khosla Ventures; 17,5 milhões / Artis Capital Management; 8,5 milhões / Alberta Investment Management Corporation. Ações Classe C – 3 milhões / Khosla Ventures.
Públicos/ Governo: Empréstimo da Mississippi Development Authority de US$ 75 milhões, e apoio significativo de outros departamentos de Estado, bem como de equipes locais de desenvolvimento econômico.

kior materia prima
A KiOr desenvolveu uma plataforma de tecnologia proprietária para converter biomassa sustentável e de baixo custo em um óleo bruto renovável baseado em hidrocarbonetos. A plataforma combina sistemas de catalisadores proprietários com um processo baseado na tecnologia já existente de Craqueamento Catalítico de Fluidos, um processo padrão usado há mais de 60 anos em refino de petróleo. A KiOR processa seu óleo bruto renovável em uma unidade de hidrotratamento convencional e o converte em blendstocks de gasolina e diesel que podem ser combinados com combustíveis fósseis existentes usados em veículos em circulação hoje.

A INSTALAÇÃO COMERCIAL TEM INÍCIO ESTIMADO PARA O 4º TRIMESTRE DE 2012
kior inicio 2012[Legenda: Projeto comercial da KiOR em Columbus, MS]

LOCALIZAÇÃO: Columbus, MS (Mississippi).
STATUS: Operacional.
MATÉRIA-PRIMA: Resíduos florestais.
PRODUTOS: Gasolina e diesel celulósicos.
CAPACIDADE: 13 milhões de galões por ano.
EMPREGOS: Cerca de 60 diretos e centenas indiretos.
PERFIL DO PROJETO: Instalação concluída antes do prazo com um custo de projeto de US$ 213 milhões; produção totalmente alocada antes do final da construção; produzirá combustível suficiente para 25.000 veículos quando estiver totalmente alinhada.

SEGUNDO PROJETO COMERCIAL EM DESENVOLVIMENTOL CONCLUSÃO ESTIMADA PARA 2014
LOCALIZAÇÃO: Natchez, MS (Mississippi).
MATÉRIA-PRIMA: Resíduos florestais.
PRODUTOS: Gasolina celulósica e diesel celulósico.
CAPACIDADE: 40 milhões de galões por ano.
EMPREGOS: 60-70 diretos e centenas indiretos.
PERFIL DO PROJETO: Investimento de US$ 350 milhões; projeto comercial carro-chefe servindo como centro logístico para produção e entrega; construção começa no início de 2013 com cerca de 500 funcionários da construção.

CAMINHO PARA IMPLANTAÇÃO COMERCIAL

2008
Validação do conceito alcançada na planta piloto em Pasadena

2009
Validada a viabilidade técnica do processo proprietário pela conversão bem sucedida de biomassa em um óleo bruto renovável intermediário que pode ser refinado em gasolina celulósica
Continuado o trabalho na viabilidade técnica, pesquisa, desenvolvimento e comercialização

2010
Unidade de demonstração instalada em Pasadena (aumentada 400 vezes da planta piloto), capaz de produzir até 15 barris de produto por dia
Seleção do local para a primeira instalação comercial

2011
Iniciada a construção da planta comercial em Columbus, capaz de produzir até 13 milhões de galões de biocombustíveis celulósicos por ano
Assinados acordos offtake com Hunt Refining, Catchlight Energy e FedEx
Oferta Pública Inicial bem sucedida

2012
Assegurado financiamento adicional
Concluída construção da planta comercial de Columbus e iniciadas operações
Recebido o Registro da EPA para venda de gasolina e diesel celulósicos
Iniciadas devidas diligências na próxima instalação

2013
Iniciar construção em duas plantas adicionais

2014

Iniciar construção em duas plantas adicionais

2015
Iniciar construção em duas plantas adicionais

Fonte: Cellulosic Biofuels Industry Progress Report 2012-2013 - Advanced Ethanol Council
Tradução e adaptação novaCana.com