Usinas

Nova usina de etanol de milho recebe autorização para operar em Mato Grosso

Alcooad pode produzir diariamente até 322,5 mil litros do biocombustível


NovaCana - 19 jan 2021 - 09:51

Localizada em Nova Marilândia (MT), a usina Alcooad recebeu autorização da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) para operar. A liberação, publicada ontem em Diário Oficial, permite a produção de até 322,5 mil litros de etanol proveniente do milho por dia.

Segundo reportagem do Canal Rural, a construção da usina recebeu investimentos de R$ 160 milhões feitos por um grupo de 24 produtores rurais mato-grossenses. O objetivo era produzir, anualmente, cerca de 112 milhões de litros do biocombustível, 80 mil toneladas de DDG, resíduo do processamento do grão, e 42 mil megawatts de energia.

Conforme documentos consultados pelo novaCana, a Alcooad informou o início das suas obras à ANP em abril de 2019, projetando uma capacidade de moagem diária de 600 toneladas de milho. À época, a unidade planejava a produção diária de 240 mil litros de etanol hidratado.

Em junho de 2019, a empresa informou uma nova capacidade diária: processamento de 750 toneladas de milho e produção de 322,5 mil litros de etanol, o que equivale a 430 L/t. Os volumes foram aprovados pela ANP logo em seguida, embora ela tenha mantido os valores anteriores em sua listagem oficial para acompanhamento das usinas em construção.

Em janeiro de 2020, o processo inicial referente à unidade foi arquivado por conta da finalização da construção. Com isso, começou uma nova tramitação para tratar da vistoria da usina e da autorização para operação, que foi pedida em setembro e reenviada em outubro do ano passado. A partir de então, diversos documentos foram enviados à agência, até a saída das autorizações.

Gabrielle Rumor Koster – novaCana.com


Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail



x