Financeiro

Grupo Colombo lucra R$ 216,60 mi em 2019/20; aumento de 11% ante safra anterior [atualizado]


novaCana.com - 30 jul 2020 - 12:02 - Última atualização em: 04 ago 2020 - 08:01

Atualização (03/08, às 16h): Após a publicação desta reportagem, o grupo Colombo entrou em contato com o novaCana para que fossem acrescentadas informações sobre a reestruturação societária da companhia, a qual motivou o aumento da dívida do grupo.

Com o controle de três usinas – Ariranha, Palestina e Nova Albertina, todas localizadas em São Paulo – o grupo Colombo Agroindústria reportou um lucro líquido de R$ 216,60 milhões em 2019/20.

O resultado representa uma melhora de 11,39% no comparativo com um ano antes, quando o lucro foi de R$ 194,46 milhões. O valor também é o melhor resultado das últimas quatro temporadas.

Segundo suas demonstrações financeiras, o grupo teve um aumento de 13,50% na receita líquida. O resultado das vendas de açúcar, etanol e energia elétrica foi de R$ 1,63 bilhão, ante o R$ 1,07 bilhão obtido em 2018/19. Já os custos do grupo com os produtos vendidos tiveram um aumento de 5,68%, passando de R$ 1,01 bilhão para R$ 1,07 bilhão ano contra ano.

Segundo dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o grupo Colombo produziu 499,96 milhões de litros de etanol em 2019/20, entre anidro e hidratado – a unidade Ariranha foi responsável por 199,30 milhões de litros, a Palestina, por 147,81 milhões e a Santa Albertina, por 152,44 milhões.

Com isso, no ranking inédito compilado pelo novaCana a partir de dados da ANP, o grupo ficou em 20º entre os maiores produtores de etanol em 2019/20. Já a usina Ariranha ficou em 20ª no ranking das que mais produziram etanol hidratado segundo a mesma análise.

No texto completo (restrito para assinantes), confira mais sobre o resultado financeiro do grupo Colombo, com gráficos comparativos das últimas safras.

- Resultado líquido
- Resultado bruto
- Evolução das receitas e custos
- Perfil das dívidas: débitos com empréstimos e financiamentos de curto e longo prazo


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR



Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail