Usinas

Usinas de São Paulo poderão se conectar a dutos para distribuição de biometano

Parceria entre GasBrasiliano e Zeg Biogás deve possibilitar a conexão de até 140 sucroenergéticas


NovaCana - 27 nov 2020 - 07:53 - Última atualização em: 27 nov 2020 - 11:22

Distribuidora de gás com atuação no noroeste de São Paulo, a GasBrasiliano anunciou uma parceria com a Zeg Biogás, companhia que oferece soluções para a descarbonização de empresas, para a conexão com o gasoduto de agroindústrias com potencial de produção de biometano. A informação foi publicada pelo Valor Econômico.

Segundo a reportagem, a estimativa é que até 140 usinas sucroenergéticas poderão receber dutos de conexão à malha da distribuidora. Elas seriam capazes de fornecer, diariamente, mais de 1 milhão de metros cúbicos à rede. Atualmente, a produção nacional é de cerca de 2 milhões de m³/dia.

O objetivo da GasBrasiliano seria se tornar uma distribuidora de gás para unidades que ainda não estão conectadas ao sistema de distribuição. Em entrevista ao Valor, o presidente da companhia, Alex Gasparetto, afirmou que o modelo apresentado traz uma oportunidade de expansão da infraestrutura. Segundo ele, a região noroeste paulista tem uma densidade demográfica mais baixa em relação ao restante de São Paulo, o que criaria um desafio de expansão da rede.

O sócio-fundador da Zeg Biogás, Daniel Rossi, também acredita que o biometano tem potencial para crescer. De acordo com ele, o interior do país ainda é pouco atendido pela malha de gasodutos.

“O que falta para conseguir movimentar o mercado são boas estruturações comerciais que viabilizem o retorno do investimento. As parcerias estratégicas são fundamentais para criar um mercado novo”, declara.

Rossi reforça que seria necessário incentivar a expansão da rede de dutos para ligar o agronegócio brasileiro à infraestrutura de distribuição de gás. “Se isso estiver solucionado, o Brasil pode ser o maior produtor do biometano e gás renovável do mundo”, assegura.

novaCana.com
Com informações do Valor Econômico


Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail