Usinas

Usina Batatais compra Cevasa, unidade da Cargill em Patrocínio Paulista (SP)

Negociação foi confirmada pelas duas companhias, mas venda ainda depende de parecer do Cade


NovaCana - 21 jun 2021 - 15:28 - Última atualização em: 22 jun 2021 - 07:02

Pouco mais de um ano após a cisão entre as usinas Batatais e Lins, o grupo Batatais pode voltar a controlar duas unidades de cana-de-açúcar. De acordo com uma reportagem do Valor Econômico, a companhia irá adquirir a Central Energética Vale do Sapucaí (Cevasa), usina controlada pela multinacional Cargill. O valor do negócio não foi revelado.

A expectativa é que o pedido de aprovação da transação seja protocolado no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) ainda hoje, 21. A transação depende de um parecer positivo do órgão para ser concluída.

Segundo o Valor, a Cargill confirmou a operação. Por sua vez, a Batatais informou por meio de comunicado que o acordo foi fechado na última sexta-feira, com a transição devendo ser concluída em 30 a 45 dias.

“[O plano] é de continuidade das operações das duas plantas industriais”, afirma o documento, que reforça que a Batatais pretende estabelecer um modelo de governança visando preservar os compromissos estabelecidos, a otimização entre as duas empresas, a continuidade das operações e a sustentabilidade do negócio a longo prazo.

Para as negociações, a Batatais foi assessorada pelo escritório de advocacia L.O. Baptista e pelo banco Itaú BBA. Já a Cargill teve o apoio da consultoria Mazars.

A Cevasa, localizada em Patrocínio Paulista (SP), moeu 2,6 milhões de toneladas de cana na safra 2020/21, tendo direcionado 60% da matéria-prima para a fabricação de açúcar. A companhia também vendeu 113 mil megawatts-hora de energia elétrica na temporada.

Por sua vez, a Batatais – com sede no município paulista homônimo – registrou uma moagem recorde de 4,42 milhões de toneladas de cana em 2020/21 e tem a perspectiva de atingir 4,1 milhões de toneladas na atual temporada.

NovaCana
Com informações do Valor Econômico e da Reuters


Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail