PUBLICIDADE
ARMAC
Usinas

São Fernando deverá realizar assembleia para venda da usina em 25 de janeiro

O evento ocorrerá de modo online na manhã do dia 25; interessados devem enviar propostas até esta quinta-feira


NovaCana - 18 jan 2022 - 14:58 - Última atualização em: 19 jan 2022 - 11:50

Atualização (19/01, às 11h50): Após solicitação da massa falida da usina, um novo edital de venda deve ser publicado e as datas abaixo sofrerão modificações. Para mais informações, clique aqui ou acesse as notícias mais recentes sobre a usina São Fernando. A reportagem a seguir permanece com texto inalterado, noticiando as informações do edital original.

Depois do juiz responsável pelo processo de leilão da usina São Fernando, em Dourados (MS), negar pedido da Millenium Bioenergia para extensão do prazo de pagamento, a sucroenergética anunciou a realização de uma nova assembleia geral de credores: o objetivo é decidir sobre a alienação direta da usina.

A reunião ocorrerá no dia 25 de janeiro, de modo on-line, às 10h (horário de MS). Caso não haja quórum, a segunda convocação será no dia 31, com início a partir da presença de qualquer número de credores.

Em novembro do ano passado, o administrador judicial da São Fernando, Vinicius Coutinho, já havia informado ao NovaCana que a usina estava se preparando para novas possibilidades de venda em 2022. “Nós estamos pegando todos os processos de venda que ocorreram desde o início da falência e analisando tudo. Vamos estabelecer um critério que gere menos discussão e seja mais rápido, procurando uma melhor solução”, destacou na ocasião.

De acordo com Coutinho, a decisão de realizar uma assembleia para apresentar as propostas de venda direta aos credores foi tomada por ser uma das alternativas previstas em lei e, também, por ser algo que a usina ainda não havia tentado. Agora, resta aguardar para saber se o processo irá funcionar.

Entre os bens a serem vendidos estão itens administrativos, agrícolas, industriais e de tecnologia da informação. Podem participar pessoas jurídicas e físicas, maiores de idade, emancipados, ou então seus procuradores, desde que tenham mandato com poderes específicos para tal. Além disso, as propostas deverão ser protocoladas diretamente nos autos da falência até o dia 20 deste mês.

Para completar, no momento da apresentação da proposta, o responsável deverá entregar também uma caução no valor R$ 10 milhões. O valor deve ser depositado em uma subconta vinculada ao processo de falência. Outro ponto importante é que, caso a proposta não seja para pagamento à vista, o proponente deverá apresentar garantia idônea suficiente para cobrir o valor, que será composta em garantia real hipotecária (imóvel), garantia fidejussória (fiança) ou seguro garantia.

Saiba mais sobre a assembleia e sobre possíveis interessados na aquisição no texto completo, exclusivo para assinantes.


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR



PUBLICIDADE FMC_VERIMARK_INTERNO FMC_VERIMARK_INTERNO

Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
STOLLER
x