PUBLICIDADE
ARMAC
Usinas

Grupo Moreno finaliza processo de recuperação judicial antecipadamente

O cumprimento do plano foi reconhecido no último dia 15, com pagamento de R$ 1 bilhão aos credores


NovaCana - 18 ago 2022 - 15:29

O grupo sucroenergético Moreno anunciou na última terça-feira, 16, o encerramento de sua recuperação judicial. De acordo com o comunicado interno da companhia, a decisão foi proferida no dia 15 de agosto pelo juízo da Vara Única da Comarca de São Simão.

De acordo com o texto, foi reconhecido o cumprimento do plano aprovado pelos credores, com um pagamento de R$ 1 bilhão, iniciado ainda em janeiro deste ano. O equivalente a 40% da dívida foi quitada com recursos próprios, ainda segundo a companhia, e a outra parte com uma operação de DIP Finance – uma modalidade de financiamento para empresas em recuperação judicial.

“É uma das primeiras vezes que se vê no Brasil um exit financing que permitirá à companhia pagar os credores, refinanciar parte da dívida e sair da recuperação judicial de forma antecipada”, afirma a companhia em seu site, onde lista todos os seus credores do plano.

Ainda em seu comunicado, a Moreno, que possui três usinas no estado de São Paulo, informou que, mesmo enfrentando eventos climáticos adversos, finalizou a safra 2021/22 com uma margem Ebitda (lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) de 53%, na ordem de R$ 1 bilhão. Além disso, a Moreno afirma que conta atualmente com um endividamento financeiro inferior a 1 vez em relação ao Ebitda.

No texto completo, exclusivo para assinantes, você confere todo o histórico do processo de recuperação judicial do grupo Moreno, além de perspectivas para o futuro da companhia.


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR



PUBLICIDADE FMC_VERIMARK_INTERNO FMC_VERIMARK_INTERNO

Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
STOLLER
x