Usinas

Inpasa inicia estudos para construção de usina em Sidrolândia (MS)

Avaliação de impacto da unidade ao patrimônio arqueológico já foi autorizada pelo Iphan, mas companhia não confirma que obras vão acontecer


NovaCana - 16 set 2022 - 09:10

Os planos da produtora de etanol de milho Inpasa podem incluir uma nova usina em Mato Grosso do Sul. Em junho, de acordo com uma reportagem do portal Região News, a companhia adquiriu uma área de 150 hectares em Sidrolândia (MS).

De acordo com a fonte ouvida pela reportagem, a empresa pretendia investir R$ 1 bilhão na implantação de uma nova usina, que teria capacidade de esmagar até 1 milhão de toneladas de milho por ano. Entretanto, haveria uma pendência: a disponibilidade de matéria-prima no município.

Ao que tudo indica, os planos seguem em andamento. Em 5 de setembro, uma portaria do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) publicada no Diário Oficial da União autorizou uma avaliação de impacto ao patrimônio arqueológico para a implantação de uma usina de etanol de milho no município sul-mato-grossense.

Ao NovaCana, a Inpasa confirmou que está realizando estudos de viabilidade técnica e econômica na região. Ainda assim, a empresa afirmou que não tem um parecer sobre a construção da nova unidade.

Com coordenação da arqueóloga Emília Mariko Kashimoto, o projeto autorizado pelo Iphan tem duração prevista de dois meses e foi enquadrado como sendo do nível 3 dentro de uma escala que vai de 1 a 4. Por conta desta classificação, a Inpasa era obrigada a obter anuência do órgão por meio de uma portaria, conforme foi feito.

De acordo com o Iphan, o nível 3 significa que a interferência da construção da usina nas condições do solo é de média a alta. Além disso, o empreendimento implicaria em uma grande área de intervenção.

Renata Bossle – NovaCana


PUBLICIDADE FMC_VERIMARK_INTERNO FMC_VERIMARK_INTERNO

Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
STOLLER
x