BASF
Financeiro

USJ atrasa US$ 9,1 mi em pagamentos e acende alerta para calotes futuros

Companhia voltou para o último degrau na escala das agências de classificação de risco Fitch Ratings e S&P Global Ratings


novaCana.com - 29 nov 2019 - 07:53 - Última atualização em: 04 dez 2019 - 08:38

Pouco mais de um ano após o episódio que levou agências de classificação de risco a colocarem a USJ Açúcar e Álcool em “default seletivo” ou “default restritivo”, a companhia suspendeu pagamentos e foi novamente rebaixada para as últimas posições nas escalas da Fitch Ratings e da S&P Global Ratings.

De acordo com documento divulgado pela Fitch nesta quinta-feira (28), a USJ deixou de pagar de US$ 9,1 milhões, previstos para o dia 9 de novembro. O valor é referente a um cupom de US$ 400 mil e ao saldo principal de suas notas seniores sem garantia de ativos reais com vencimento em 2019, que somam US$ 8,7 milhões.

Além disso, a empresa também solicitou um período adicional de 30 dias para o pagamento de US$ 190 mil referente a notas com vencimento em 2021. Já o pagamento de US$ 13,4 milhões para os títulos de 2023 seriam feitos, com juros, no vencimento.

Atualmente, a USJ possui três usinas: uma em Araras (SP) e duas em Goiás,  que são administradas em parceria com a Cargill.

No texto completo, saiba mais sobre as dívidas da USJ, sua situação financeira e as perspectivas para o futuro da companhia.


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR