PUBLICIDADE
ARMAC
Financeiro

Raízen aprova emissão de debêntures no valor de R$ 2 bilhões

Recursos poderão ser destinados para os canaviais, para a compra de insumos e maquinários e, também, para a construção de usinas


NovaCana - 26 ago 2022 - 09:42

A oitava emissão de debêntures da Raízen deve totalizar R$ 2 bilhões. Os títulos, vinculados a Certificados de Recebíveis do Agronegócio (CRAs), serão divididos em duas séries e terão garantia adicional da própria companhia.

A decisão foi tomada em reunião do conselho de administração da sucroenergética, realizada em 16 de agosto. A ata do encontro foi disponibilizada pela empresa nesta quinta-feira, 25.

A maior parte do valor – R$ 1,06 bilhão – estará alocada na primeira série, com vencimento em 12 de agosto de 2032. De acordo com a Raízen, os investidores receberão juros remuneratórios anualmente a partir de 2023. O valor será a maior opção entre 6% ao ano ou 0,7% ao ano acrescido à taxa interna de retorno do Título Público Tesouro IPCA+ com juros semestrais (NTN-B) e vencimento em 15 de agosto de 2030.

Já a segunda série, de R$ 940 milhões, terá juros remuneratórios de 6,25% ao ano ou de 0,75% ao ano acrescido à taxa interna de retorno do Título Público Tesouro IPCA+ com juros semestrais (NTN-B) e vencimento em 15 de maio de 2035.

O valor do principal da dívida, por sua vez, será atualizado pela variação mensal positiva do índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Neste caso, o pagamento será feito em três parcelas, com datas a serem definidas no cronograma da escritura.

De acordo com reportagem do Valor Econômico, os recursos serão direcionados para atividades ligadas ao agronegócio, com investimentos e financiamentos para o cultivo de cana-de-açúcar, compra de insumos agropecuários e de máquinas e para a construção de usinas de etanol.

Renata Bossle – NovaCana


PUBLICIDADE FMC_VERIMARK_INTERNO FMC_VERIMARK_INTERNO

Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
STOLLER
x