Financeiro

Mesmo com moagem recorde, Tereos tem prejuízo de R$ 41 milhões em 2020/21

Produtividade da companhia no Brasil chegou a 86 toneladas por hectare, 10% acima da média do Centro-Sul


NovaCana - 10 ago 2021 - 08:44

A francesa Tereos não experimentou bons resultados na última safra, registrando um prejuízo de 133 milhões de euros (cerca de R$ 826 milhões), principalmente devido a perdas não recorrentes. Entretanto, enquanto a Europa teve problemas com pragas nas plantações de beterraba e condições climáticas adversas, o Brasil contou com uma safra de cana-de-açúcar recorde, assim como um aumento nos preços do açúcar, colocando a commodity em uma posição ainda mais competitiva.

A Tereos Açúcar e Energia do Brasil, subsidiária do grupo francês Tereos, divulgou no Diário Oficial de São Paulo seus números da safra 2020/21. O grupo, que conta com sete usinas localizadas no noroeste de São Paulo, registrou prejuízo líquido de R$ 41 milhões. Apesar das perdas, houve uma melhora de 66,1% ante a temporada anterior, que fechou com uma retração de R$ 121 milhões.

Segundo a Tereos, o mix de produção adotado no Brasil foi 62% voltado ao açúcar, com produção total de 1,9 milhão de toneladas da commodity, um crescimento de 10% em relação à safra passada. Também foram produzidos 738 milhões de litros de etanol, 13% a mais ante o período anterior. Por fim, a empresa ainda exportou mais de mil megawatts-hora de energia proveniente da queima do bagaço da cana.

No documento divulgado, a Tereos afirma que havia uma perspectiva positiva no começo da safra 2020/21 e que, mesmo com a pandemia de coronavírus, a companhia adaptou suas operações para manter todas as plantas em pleno funcionamento. Desta forma, foram processadas mais de 20,9 milhões de toneladas de cana-de-açúcar, um aumento de 10% em relação ao ciclo anterior, de 19 milhões.

No texto completo (exclusivo para assinantes), saiba mais sobre as perspectivas da Tereos e seus resultados no Brasil, incluindo receita com vendas, custos, lucro operacional, Ebitda ajustado e endividamento.


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR