Financeiro

Da Mata amplia moagem em 8% na safra 2019/20; lucro chega a R$ 36,18 milhões


novaCana.com - 13 mar 2020 - 09:55

Após apresentar uma queda em seus resultados financeiros de 2018, a Da Mata Açúcar e Álcool – que controla uma usina de cana-de-açúcar em Valparaíso (SP) – retomou sua trajetória de crescimento.

De acordo com os números divulgados no Diário Oficial de São Paulo, a companhia obteve um lucro líquido de R$ 36,18 milhões no período de janeiro a dezembro de 2019. O valor representa um crescimento de 70,9% ante o desempenho do ano anterior.

Segundo a sucroenergética, a moagem na temporada 2019/20 alcançou 3,6 milhões de toneladas de cana-de-açúcar, um aumento de 8,4% ante as 3,32 milhões de toneladas vistas em 2018/19. Para 2020/21, por sua vez, a perspectiva é atingir a capacidade de moagem total da unidade, de 4,5 milhões de toneladas.

“Além da planta industrial moderna e totalmente automatizada, o crescimento da companhia é resultado de ações e investimentos focados em formação de canavial e tratos culturais”, afirma a Da Mata.

Conforme os números apresentados, foram plantados 14,75 mil hectares em 2019 – destes, 4,74 mil hectares são referentes à expansão de lavoura. Para 2020, por sua vez, a expectativa da companhia é que sejam cultivados mais de 12,45 mil hectares, com 3,5 mil hectares em áreas de expansão.

Para completar, há ainda a perspectiva de seguir com incrementos na produção. “Com pequenos investimentos no processo de preparo e moagem, a capacidade instalada será elevada para 5,5 milhões de toneladas, objetivo a ser atingido até a safra de 2022”, afirma a Da Mata.

No texto completo, veja gráficos e saiba mais sobre os resultados financeiros da companhia em 2019, incluindo a relação entre receitas e custos e o perfil das dívidas com empréstimos e financiamentos.


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR



Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail