Etanol: Mercado

Incerteza econômica deve segurar aumento na demanda por combustíveis, diz StoneX

Cenários traçados expressam dificuldades na retomada devido à pandemia de covid-19 em 2021


NovaCana - 19 abr 2021 - 08:56

O cenário pandêmico vem reduzindo a circulação e a mobilidade urbana no Brasil, fator que impacta diretamente no consumo de combustíveis do ciclo Otto, que inclui o etanol. Ainda que haja a expectativa de retomada, a StoneX acredita que o segundo trimestre de 2021 deve seguir desafiador. Além disso, as estimativas iniciais do aumento da procura por combustíveis em geral foram colocadas em xeque.

A consultoria traçou três cenários possíveis sobre a demanda de combustíveis no país neste ano, considerando diferentes patamares de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) nacional.

As informações foram trazidas pela analista de inteligência de mercado de açúcar e etanol da StoneX, Rafaela Souza, durante evento on-line promovido pela consultoria.

Mesmo com perspectivas mais favoráveis para o PIB, a projeção é que o consumo de combustíveis deve se manter menor em relação ao dos anos anteriores. De todo modo, a StoneX acredita que ele deve superar o de 2020.

Segundo as estimativas apresentadas, a possibilidade de cortes voluntários na mobilidade urbana, causados pelo desemprego em alta, pela inflação dos produtos e até pelo elevado preço dos combustíveis, também contribui para o cenário de queda.

Confira, na versão completa, os três cenários traçados pela consultoria.


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR



Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail