Etanol: Mercado

Demanda por combustíveis cresce 2% em 2021, mas etanol tem ganho de 1% [30 gráficos]

Consumo de janeiro a abril foi de 6,42 bilhões de litros do biocombustível e de 11,51 bilhões de gasolina


NovaCana - 01 jun 2021 - 12:47 - Última atualização em: 01 jun 2021 - 15:03

O consumo de combustíveis do ciclo Otto chegou a 16,05 bilhões de litros no acumulado de janeiro a abril de 2021. O valor, calculado em gasolina equivalente, representa um crescimento de 2% ante o mesmo período do ano passado, quando o país enfrentava os impactos iniciais da pandemia de covid-19.

Os números atualizados da demanda foram divulgados ontem, 31, pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Em abril, ela foi de 3,81 bilhões de litros, alta de 21,2% ante os 3,14 bilhões registrados um ano antes, o pior resultado mensal desde fevereiro de 2010.

Apesar do crescimento, o etanol hidratado segue com uma menor participação de mercado em comparação com períodos anteriores. Em abril, 28,1% do volume abastecido por veículos do ciclo Otto foi com o renovável. O valor representa um avanço ante os 27,21% de abril de 2020, mas ainda está aquém dos 28,68% do mesmo mês de 2019.

Em volume, o consumo de etanol foi equivalente a 1,51 bilhão de litros em abril, alta anual de 25,1%. A elevação, portanto, foi maior que a registrada pelo ciclo Otto como um todo, de 21,2%. A gasolina, por sua vez, viu sua demanda subir 19,8% na comparação anual, para 2,74 bilhões de litros. Esta recuperação de mercado do etanol hidratado já podia ser observada em março.

O mês de abril, aliás, costuma caracterizar o reinício da moagem de cana-de-açúcar e um tradicional aumento da oferta; no entanto, a seca vista ao longo do ano passado e os preços elevados do açúcar no mercado internacional desestimularam a produção.

De acordo com a União da Indústria de Cana-de-açúcar (Unica), a fabricação de hidratado ficou 20,5% menor na comparação anual; já as vendas aumentaram 16,3% no mesmo comparativo.

Ainda assim, no acumulado do ano, o consumo de 6,42 bilhões de litros de etanol é 1% superior aos 6,36 bilhões vistos de janeiro a abril de 2020. A demanda por gasolina cresceu 2,5% no mesmo comparativo, para 11,51 bilhões de litros, resultado que já inclui a mistura de anidro ao combustível fóssil.

Na comparação com 2019 – ano de mercado aquecido para o etanol –, o resultado de abril de 2021 representa uma queda de 16,7% na demanda por hidratado, enquanto o acumulado do quadrimestre tem um declínio de 10,3%.

consumo 01 otto acumulado block 020321

consumo 02 otto mensal block 020321

consumo 03 combustiveis evolucao block 020321

consumo 04 hidratado anual block 020321

consumo 05 hidratado mensal block 020321

consumo 06 preferencia consumidor block 020321

novaCana DATA (exclusivo assinantes)

Renata Bossle – NovaCana


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR


Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail



x