Etanol: Abastecimento

Estoques de etanol do Centro-Sul se aproximam de 9,5 bilhões de litros [21 gráficos]

Enquanto volumes de hidratado estão 25% acima, armazenagem de anidro “encosta” em patamar da safra passada


novaCana.com - 16 set 2020 - 11:44

Mesmo com a redução no consumo de combustíveis vista este ano, a desaceleração na produção de etanol e o início da recuperação da demanda fazem com que os estoques do biocombustível não estejam mais tão elevados na comparação com o mesmo período do ano passado. Em 1º de maio, o volume chegou a ser 114,02% maior; um mês depois, esta relação passou para 87,32%; em 1º de julho, foi para 40,5%; e, em agosto, para 26,61%.

Em 1º de setembro, segundo números atualizados do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), as unidades do Centro-Sul mantinham em seus tanques 9,45 bilhões de litros do biocombustível – 16,25% a mais que os 8,13 bilhões registrados um ano antes.

Em relação à posição de quinze dias antes, o aumento é de 686,28 milhões de litros. No mesmo período, segundo a União da Indústria de Cana-de-açúcar (Unica), as unidades do Centro-Sul produziram 2,16 bilhões de litros. Desta forma, a elevação nos estoques é equivalente a 31,8% do total produzido.

Ainda conforme a Unica, as vendas de etanol pelas usinas do Centro-Sul alcançaram 2,69 bilhões de litros em agosto. O montante representa uma queda de 13,3% na comparação com o valor registrado em igual período de 2019.

etanol 01 total block

etanol 04 total estados block

Hidratado

Do volume total nos tanques em 1º de setembro, a maior parte é de etanol hidratado, com 6,84 bilhões de litros – o que representa um aumento de 25,04% em relação ao visto um ano antes.

Já na comparação com a quinzena anterior, são 542,17 milhões de litros a mais. Considerando a produção de 1,5 bilhão de litros no período, o aumento equivale a 36,1% do total fabricado.

A maior parte deste estoque está localizada em São Paulo, estado que mais produz e consome etanol no Brasil: 3,72 bilhões de litros. Neste caso, o volume armazenado está 32,8% acima do registrado um ano antes, superando a média nacional.

Entre os maiores estados produtores de etanol do Brasil, o que registrou a maior elevação anual foi Mato Grosso, com 58,1% e 294 milhões de litros. Em contrapartida, o Paraná viu uma queda de 31,4%, mantendo 187 milhões de litros em estoque em 1º de setembro.

etanol 02 hidratado block

etanol 05 hidratado estados block

Anidro

Enquanto os estoques de hidratado seguem bastante elevados em relação à posição vista um ano antes, os volumes de anidro atingiram um ponto de aparente equilíbrio. Em 1º de setembro, os tanques do Centro-Sul armazenavam 2,87 bilhões de litros do produto – um crescimento de 0,1% na comparação anual.

Em relação à quinzena anterior, a elevação foi de 145,11 milhões de litros. Levando em conta a produção de 659 milhões registrada no período, o aumento equivale a 22% do total fabricado.

De acordo com a Unica, as vendas de anidro no mercado doméstico somaram 794,85 milhões de litros em agosto, volume 2,6% inferior ante o mesmo mês de 2019. Desta forma, ainda que tenha ocorrido uma redução, a queda foi menos acentuada que no mercado de hidratado, de 20,54%.

Além disso, o etanol anidro também se beneficia do crescimento nas exportações, que foi de 6,28% em agosto, chegando a 306,34 milhões de litros. “A maior demanda por etanol no mercado externo e as vendas de álcool para outros fins atenuaram parcialmente o impacto da queda na demanda por combustíveis no mercado interno”, afirma o diretor técnico da Unica, Antonio de Padua Rodrigues.

Nos estados, o maior volume armazenado de anidro se encontra em São Paulo, com 1,86 bilhões. Neste caso, os estoques estão 1,07% abaixo do registrado em 1º de setembro de 2019.

Além de São Paulo, Minas Gerais, Paraná e Mato Grosso também apresentaram redução no volume armazenado do renovável. Por sua vez, Goiás e Mato Grosso do Sul tiveram aumentos na comparação anual.

etanol 03 anidro block

etanol 06 anidro estados block

novaCana DATA (exclusivo assinantes)

Renata Bossle – novaCana.com


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR




Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail