Etanol: Abastecimento

Estoque de etanol do CS cai 762,63 mi litros na primeira metade de janeiro [21 gráficos]

Volume armazenado pelas usinas da região está 5,8% abaixo do visto no começo do ano passado, mas em linha com período anterior à pandemia de covid-19


NovaCana - 02 fev 2022 - 11:23

Os estoques de etanol da região Centro-Sul continuam registrando quedas neste período de entressafra. Ao final da primeira quinzena de janeiro, foram contabilizados 6,89 bilhões de litros do bicombustível, um volume 10% abaixo do visto duas semanas antes, de 7,65 bilhões de litros.

Na comparação anual, a queda foi de 5,8% – uma variação menor que a observada no começo do ano, quando a distância era de 8,5%. Em relação à 2020, ainda em período pré-pandêmico, a retração é de 0,7%.

Os números foram divulgados pelo Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) na última segunda-feira, 31.

Em São Paulo, maior estado produtor e consumidor de etanol do país, os estoques somaram 3,67 bilhões de litros em 16 de janeiro, queda de 13,2% ante os 4,23 bilhões de litros contabilizados um ano antes. Deste montante, 1,86 bilhão de litros eram do biocombustível hidratado (-25%) e 1,8 bilhão de litros de anidro (+5,4%).

etanol 01 total 030521 block

etanol 04 total estados 030521 block

Anidro

Do total armazenado no Centro-Sul, 45,7% correspondem ao etanol anidro e 54,3% ao hidratado. Em 16 de janeiro de 2020, estas proporções eram de 39,8% e 60,2%, respectivamente, indicando uma mudança no mercado atual em prol da estocagem de anidro.

Inclusive, mesmo com ambos os tipos do biocombustível seguindo tendência de queda nos estoques, a posição do anidro segue acima da registrada em anos anteriores. Em 16 de janeiro, as usinas mantinham 3,14 bilhões de litros, queda quinzenal de 11%, mas aumento 15% ante os 2,73 bilhões de litros vistos no mesmo período do ano passado. Já em comparação com 2020, o crescimento foi de 14%.

De acordo com dados da União da Indústria da Cana-de-açúcar (Unica), nas primeiras duas semanas de janeiro, as usinas de etanol de milho produziram 44,12 milhões de litros de anidro. Em um período sem registro de moagem por parte das usinas de cana, houve um reprocessamento do volume estocado para a produção de hidratado, gerando um saldo quinzenal de 34,38 milhões de litros.

etanol 02 anidro 030521 block

etanol 04 hidratado estados 030521 block

Hidratado

Os estoques de hidratado, por sua vez, seguem em declínio. Ao final da primeira metade de janeiro estavam armazenados 3,74 bilhões de litros no Centro-Sul, retração quinzenal de 9,11%. Em relação a 2021, quando os tanques possuíam 4,57 bilhões de litros, a queda foi de 18,2%. Já em comparação com 2020, o volume foi 10,4% menor.

De acordo com a Unica, as unidades que utilizam milho fabricaram 99,16 milhões de litros na quinzena. Contando também com o reprocessamento de anidro realizado pelas usinas de cana, o saldo da quinzena é de 110,94 milhões de litros de hidratado.

etanol 02 hidratado 030521 block

etanol 04 anidro estados 030521 block

NovaCana DATA (exclusivo assinantes)

Giully Regina – NovaCana


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR



PUBLICIDADE FMC_VERIMARK_INTERNO FMC_VERIMARK_INTERNO

Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
STOLLER
x