BASF
Carro elétrico

Nissan revela veículo elétrico movido a célula de combustível de etanol


Nissan - 04 ago 2016 - 14:36
Protótipo tem autonomia superior a 600 km

A Nissan revelou hoje (4), no Brasil, o primeiro protótipo do veículo a ser movido por uma Célula de Combustível de Óxido Sólido (SOFC), que funciona através de energia elétrica de bioetanol. O novo sistema – inédito mundialmente – apresenta uma ‘Célula de Combustível e-Bio’, com um gerador de potência movido por meio de uma SOFC, que se utiliza da reação de diversos combustíveis com oxigênio, incluindo etanol e gás natural, para produzir eletricidade altamente eficiente.

O CEO e presidente mundial da Nissan, Carlos Ghosn, disse: “A Célula de Combustível e-Bio oferece transporte ecoamigável e cria oportunidades regionais de produção de energia ao passo que utiliza uma infraestrutura que já existe. No futuro, a Célula de Combustível e-Bio vai se tornar ainda mais ecoamigável. Etanol misturado com água é mais fácil e seguro de manusear do que outros combustíveis. Sem a necessidade de se criar nova infraestrutura, isto tem grande potencial de crescimento de mercado no futuro”.

Segundo a companhia, o protótipo com a Célula de Combustível faz parte do compromisso da Nissan para o desenvolvimento de veículos com emissões zero e novas tecnologias automotivas, incluindo sistemas de condução autônoma e conectividade. O protótipo com Célula de Combustível e-Bio é abastecido 100% com etanol para carregar uma bateria de 24 kWh que permite uma autonomia de mais de 600 km. A Nissan vai realizar testes de campo em vias públicas no Brasil, usando o protótipo.

A pesquisa e o desenvolvimento da Célula de Combustível e-Bio foi anunciada pela Nissan em junho, em Yokohama, no Japão, mas agora é revelado mundialmente em um veículo. Conforme comunicado, o motor é limpo, altamente eficiente e funciona 100% com etanol ou água misturada ao etanol. Suas emissões de carbono-neutro são tão limpas quanto a atmosfera, o que será a parte do ciclo natural do carbono. Além disso, a Célula de Combustível e-Bio oferece a aceleração viva e condução silenciosa de um veículo elétrico, juntamente com os seus custos baixos de manutenção, ao mesmo tempo em que possui a autonomia de um veículo movido a combustível fóssil.

Devido à fácil disponibilidade de etanol e da baixa combustibilidade de água misturada ao etanol, o sistema não é dependente ou restringido pela infraestrutura de carregamento existente, tornando mais fácil para apresentar ao mercado. De acordo com a Nissan, no futuro, as pessoas só precisarão parar por pequenas lojas de varejo para comprar combustível.