Cana: Safra / Moagem

[Unica] Números iniciais da safra de cana-de-açúcar 2021/22 no Centro-Sul

Safra 2021/22 inicia com ritmo de moagem mais lento


Unica - 27 abr 2021 - 11:42 - Última atualização em: 28 abr 2021 - 11:23

  1. Moagem quinzenal: A primeira quinzena da safra 2021/22 foi marcada pelo ritmo mais lento da produção em relação ao ciclo anterior. Ao todo, foram processadas 15,63 milhões de toneladas frente as 22,5 milhões da safra 2020/21 (-30,57%).

    tabela unica 27.04.21

    quinzena 01 moagem block 090321

  2. Produção de açúcar e etanol: A produção de açúcar e etanol, em linha com a diminuição de moagem, totalizou 624,1 mil toneladas (-35,75%) e 730,5 milhões de litros (-25,92%), respectivamente.

    quinzena 03 acucar block 090321

    quinzena 02 etanol block 090321

  3. Usinas em operação: Esta queda se deve ao menor número de unidades produtoras em operação neste início de safra. Nos primeiros quinze dias de abril, 147 usinas estavam operando, sendo 141 processadoras de cana-de-açúcar, cinco exclusivas de etanol de milho e uma que utiliza ambas as matérias-primas. Na mesma data de 2020/21, 180 unidades estavam em operação. Na segunda quinzena de abril, outras 60 unidades devem iniciar a moagem no Centro-Sul.

  4. ATR quinzenal: Além da redução na moagem, o início da safra 2021/22 registrou uma piora na qualidade da matéria-prima. O nível de açúcares totais recuperáveis (ATR) na primeira quinzena de abril atingiu 108,73 kg de ATR por tonelada de cana-de-açúcar, contra 112,81 kg por tonelada na safra 2020/21 (-3,62%).

    quinzena 04 ATR ton block 090321

  5. Análise sobre a safra: “O clima mais seco tem favorecido a colheita, mas o menor número de unidades produtoras em operação não permitiu uma moagem no mesmo ritmo observado no início da safra passada. O longo período de chuvas abaixo da média histórica tem prejudicado o desenvolvimento na lavoura e criou estímulos para que as usinas começassem a safra mais tarde neste ano. Muitas empresas haviam programado o início em março deste ano, mas observamos um atraso médio em torno de 10 dias nessa programação” comenta 0 diretor técnico da Unica, Antônio Padua Rodrigues.

  6. Etanol de milho: A despeito da menor produção do etanol de cana-de-açúcar, a produção do biocombustível a partir do milho se destacou na primeira quinzena de abril, com 111,43 milhões de litros produzidos ante 86,30 milhões de litros no mesmo período do ciclo 2020/21, avanço de 29,12%.

  7. Vendas quinzenais de etanol: Na primeira quinzena da safra 2021/22, as unidades produtoras do Centro-Sul comercializaram 960,75 milhões de litros de etanol, registrando avanço de 19,53% em relação ao mesmo período da safra 2020/21. O aumento ocorreu pelo crescimento da venda para o mercado doméstico, que totalizou 943,48 milhões de litros – alta de 23,11%. As exportações, por outro lado, retraíram em 53,75%, alcançando apenas 17,53 milhões de litros.

  8. Vendas domésticas de etanol: No mercado interno, o volume de etanol hidratado comercializado foi de 650,50 milhões de litros, ante 567,28 milhões do ciclo anterior – avanço de 14,67%. No caso do etanol anidro, a alta registrada foi de 47,15%, com 293,00 milhões de litros vendidos.

  9. Etanol para outros fins: A despeito desse avanço, a comercialização de etanol destinado a outras finalidades retraiu 32,94% na primeira quinzena de abril, totalizando 36,54 milhões de litros e interrompendo momentaneamente a trajetória de crescimento observada desde o início da pandemia.

  10. Análise sobre o mercado de etanol: “O aumento das vendas no mercado doméstico decorre da competitividade do biocombustível e do maior consumo na comparação com o volume registrado em 2020. Todavia, quando comparamos as vendas com a safra 2019/20, quando não havia o efeito da covid-19, ainda observamos retração no volume comercializado domesticamente, com queda de 3,28% para o etanol anidro e de 25,46% para o etanol hidratado”, explicou Rodrigues.

Mais informações


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR



Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail



x