PUBLICIDADE
ARMAC
Milho

Após retomada de exportações na Ucrânia, milho fecha em queda em Chicago e na B3


NovaCana - 02 ago 2022 - 07:37

Em um dia marcado pelo primeiro carregamento de grãos a deixar a Ucrânia desde o início da guerra – o navio Razoni saiu do porto de Odessa carregando 26,53 mil toneladas de milho rumo ao Líbano –, os mercados internacionais de milho registraram queda.

Entre os contratos de milho negociados em Chicago, nos Estados Unidos, os futuros com vencimento em setembro perderam 9,25 centavos de dólar, ou 1,5%, indo a R$ 6,07 por bushel. Já o contrato dezembro, considerado o mais ativo, caiu 10,25 centavos, ou 1,65%, a US$ 6,0975 por bushel.

Já na bolsa brasileira B3, o movimento também foi de retração, ainda que menos acentuada do que na sessão anterior.

Nesta segunda-feira, 1º, o contrato de milho para setembro caiu 0,23%, para R$ 85,35 por saca de 60 quilos, enquanto o com vencimento em novembro teve queda de 0,56%, indo a R$ 87,28 por saca.

NovaCana


PUBLICIDADE BASF GIGA INTERNAS BASF GIGA INTERNAS

Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
STOLLER
x