PUBLICIDADE
ARMAC
Milho

Milho recua para mínima de quatro meses em Chicago; segue em queda na B3


Reuters - 04 jul 2022 - 07:45

Os contratos futuros de milho negociados nos Estados Unidos caíram nesta sexta-feira, 1º. O movimento acompanha o mercado de trigo, que atingiu níveis não vistos desde que a invasão da Ucrânia pela Rússia em fevereiro interrompeu os fluxos da região do Mar Negro.

As negociações de risco acontecem antes do longo fim de semana do feriado do Dia da Independência dos EUA, seguindo também preocupações com a demanda morna e a economia em geral.

“Os mercados externos certamente são um fator, especialmente se você estiver falando sobre uma mudança na política do Federal Reserve e um dólar que está explodindo mais alto”, disse o presidente da Global Commodity Analytics, Mike Zuzolo.

Os futuros de milho em Chicago para dezembro recuaram 12,25 centavos de dólar, para US$ 6,075 por bushel, queda de 9,9% para a semana e mínima de quatro meses.

Na bolsa brasileira B3, o movimento também foi de retração. O contrato de milho para julho caiu 0,28%, para R$ 84,38 por saca de 60 quilos, enquanto o com vencimento em setembro teve queda de 0,33%, indo a R$ 87 por saca.

Karl Plume
Com informações adicionais NovaCana


PUBLICIDADE BASF GIGA INTERNAS BASF GIGA INTERNAS

Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
STOLLER
x