Milho

Importações de milho da União Europeia saltam para 6,65 mi t em 2022/23


Reuters - 28 set 2022 - 07:37

As importações de milho pela União Europeia na temporada 2022/23, iniciada em 1º de julho, ficaram em 6,65 milhões de toneladas até 25 de setembro, mostraram dados publicados pela Comissão Europeia nesta terça-feira, 27.

O volume está acima dos 5,9 milhões relatados na semana anterior e 81% acima dos 3,67 milhões de toneladas de um ano antes, de acordo com os números da comissão.

No entanto, a comissão disse recentemente que alguns de seus dados de exportação e importação de grãos podem estar incompletos.

Os especialistas aumentaram suas projeções para as importações de milho pela UE, já que a seca colocou o bloco no caminho para sua pior colheita de milho em 15 anos.

A Espanha foi o principal importador de milho na UE até agora em 2022/23 com 2,46 milhões de toneladas, à frente da Holanda com 802 mil toneladas, Polônia com 637 mil toneladas, Portugal com 602 mil toneladas e Itália com 424 mil toneladas, mostraram os dados.

Uma lista dos cinco principais fornecedores de milho para a UE nesta temporada mostrou um grande aumento nas importações de milho brasileiro e ucraniano dentro da UE, com o volume da Ucrânia mais de três vezes maior do que no mesmo período do ano passado.

A exportação de milho do Brasil para a União Europeia aumentou mais de 80% no acumulado do ano até agosto, após os embarques dobrarem no mês passado, conforme dados do governo brasileiro. Analistas e representantes do setor ouvidos pela Reuters acreditam que os embarques devem seguir firmes diante da seca entre os países do bloco e da incerteza sobre a constância do fornecimento ucraniano.

Sybille de La Hamaide


PUBLICIDADE BASF_NOV_INTERNAS BASF_NOV_INTERNAS

Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
STOLLER
x