Usinas

Standard & Poor’s analisa situação da São Martinho e faz comparação com Raízen e Tereos


NovaCana - 24 nov 2014 - 15:22 - Última atualização em: 09 dez 2014 - 15:05

Enquanto o setor de açúcar e etanol brasileiro passa por um período de “risco sistêmico”, com cinco grupos colocados sob "observação negativa" pela Fitch, a São Martinho parece navegar ilesa em meio à tempestade.

Mesmo assim a nota atribuída a empresa poderia ser melhor.

Veja as seguir:

- A comparação com Raízen e Tereos

- Os fatores que fizeram a empresa ser avaliada positivamente

- A ocupação esperada da moagem do grupo

- Números projetados para a safra 2014/15 e perspectivas

- Alavancagem da empresa para 2015 e 2016

- A liquidez do grupo


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR



Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
STOLLER
x