PUBLICIDADE
renovacao renovacao
Usinas

Guarani diz estar confiante em moagem recorde de cana em 14/15


Reuters - 01 abr 2014 - 12:18 - Última atualização em: 29 nov -1 - 20:53

A sucroalcooleira Guarani, controlada do grupo francês Tereos, está confiante de que poderá registrar um novo recorde na moagem de cana na temporada 2014/15, que está começando nesta terça-feira no centro-sul do Brasil.

Na safra 2013/14, a Guarani processou 19,7 milhões de toneladas de cana, volume recorde na companhia, que também tem como acionista a Petrobras.

A estatal do petróleo do Brasil atua na Guarani por meio de sua unidade de biocombustíveis, a Pbio, com participação de 39,6 por cento --a fatia restante pertence a Tereos.

"Apesar da falta de chuvas nos primeiros meses do ano, estamos confiantes de que iremos além do recorde da safra passada", disse o diretor presidente da Guarani, Alberto Pedrosa, em nota.

A companhia, um dos maiores grupos do setor no Brasil, não informou previsão para a produção em 14/15 no comunicado.

Em 13/14, a produtividade agrícola da Guarani foi de 92 toneladas/hectare, 10,6 por cento mais que a média do setor no Estado de São Paulo, segundo comunicado da companhia.

"Precisamos ainda estimar qual o impacto da seca do início do ano, mas acreditamos que será possível aumentar nosso volume de moagem e bater um novo recorde", acrescentou Pedrosa.

Na temporada anterior, encerrada oficialmente ao final de março, a Guarani produziu 1,6 milhão de toneladas de açúcar, 602 milhões de litros de etanol e 720 GWh de energia para a comercialização.

Roberto Samora


PUBLICIDADE BASF_NOV_INTERNAS BASF_NOV_INTERNAS

Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
STOLLER
x