PUBLICIDADE
BN novacana 1300x150
Usinas

Biosev estreia na Bovespa com forte queda de 13%


Valor Econômico - 19 abr 2013 - 12:23 - Última atualização em: 29 nov -1 - 20:53

Após ficar mais de 20 minutos em leilão por superar queda de 10%, a ação da sucroalcooleira Biosev abriu em em baixa 5,5% e, por volta das 10h40, caía 14,5%, sendo cotada a R$ 12,83.

As ações fazem parte do Novo Mercado – o mais elevado de governança corporativa da bolsa – e serão negociadas com o código BSEV3. O coordenador líder da operação é o BTG Pactual.

A Biosev vendeu 53,7 milhões de ações em sua oferta pública inicial, pelo preço de R$ 15 cada uma. A operação avaliou a companhia em R$ 3,1 bilhões, mas, segundo a cotação até agora, ela já amarga uma perda de R$ 413,6 milhões em valor de mercado.

Alguns participantes da oferta inicial, porém, compraram uma opção, de R$ 0,25 por papel, que permite se desfazer da posição em até 15 meses por R$ 15, o preço de estreia. Essa opção funcionaria como uma proteção contra a queda dos papéis da empresa.

O volume financeiro movimentado, porém, impressiona. A empresa estava movimentando R$ 2,3 milhões no mesmo horário. Para efeito de comparação, a OGX, que geralmente está entre os três maiores volumes do dia, girava cerca de R$ 8 milhões.

Segunda chance
Essa é a segunda vez que a Biosev tenta estrear na bolsa brasileira. Para atrair mais investidores, dessa vez a empresa ofereceu uma garantia de reembolso aos que adquirirem ações em seu IPO.

Ao comprar a ação, o investidor poderá comprar também uma opção de vender a ação, isto é, a ação comprada no IPO poderá ser revendida para a empresa em até 15 meses depois da oferta.

Com informações do Valor Econômico e Exame.com


Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
Card image


x