PUBLICIDADE
BN novacana 1300x150
Usinas

Assembleia de credores da Renuka é adiada para 6 de março


O Estado de S. Paulo - 15 fev 2017 - 08:10

A assembleia da Renuka do Brasil para deliberar sobre um novo plano de recuperação judicial foi adiada de 21 de fevereiro para 6 de março, já que não haveria tempo hábil para a convocação dos credores. Caso não seja alcançado quórum suficiente, outra reunião será feita em 13 de março.

O aval para a realização da assembleia foi dado pela 1ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) e ocorre após o leilão da Usina Madhu, em Promissão (SP), marcado para 23 de janeiro, ter sido suspenso a pedido do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

O objetivo na próxima assembleia de credores é trabalhar em um plano de recuperação que ainda considere a venda da Usina Madhu como uma Unidade Produtiva Isolada (UPI), sem pendências para o comprador.

Com dívida estimada em R$ 2 bilhões, a Renuka do Brasil entrou com pedido de recuperação judicial em outubro de 2015. Além da Usina Madhu, a empresa também administra a Revati, em Brejo Alegre, no interior paulista. Ambas as unidades podem processar mais de 10,5 milhões de toneladas de cana por safra.

José Roberto Gomes


Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
Card image


x