Indústria

Presidente do Siamig é eleito para a liderança do Fórum Nacional Sucroenergético


NovaBio - 30 jul 2021 - 11:26 - Última atualização em: 30 jul 2021 - 18:38

Em votação realizada nesta quinta-feira, 29, entidades de classe e lideranças do setor canavieiro aprovaram, por unanimidade, os nomes de Mário Campos e Renato Cunha para ocupar, respectivamente, a presidência e a vice-presidência do Fórum Nacional Sucroenergético (FNS) pelos próximos dois anos.

Mário Campos é presidente da Associação das Indústrias Sucroenergéticas do Estado de Minas Gerais (Siamig) e sucede a André Rocha, do Sindicato da Indústria de Fabricação de Etanol do Estado de Goiás (Sifaeg).

Por sua vez, Renato Cunha é presidente do Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool no Estado de Pernambuco (Sindaçucar-PE) e renova seu mandato. O executivo acumulará, até julho de 2023, uma década de experiência na vice-presidência do FNS, que tem a participação de 15 entidades da indústria canavieira e busca integrar o segmento nacionalmente.

“Temos que dar continuidade ao caráter nacional do Fórum. O André Rocha fez um excelente trabalho e o Mário Campos também irá fortalecer o equilíbrio das partes que integram o todo, respeitando as vocações dos produtores de cada região. Este, em síntese, é o objetivo principal da gestão competitiva, moderna, sustentável e plural”, afirma Cunha.

Além de presidir o Sindaçucar-PE, o executivo está à frente da Associação de Produtores de Açúcar, Etanol e Bioenergia (NovaBio), que reúne 35 usinas em 11 estados, notadamente os localizados no Norte e no Nordeste do país.

O FNS, criado em 2003, tem a participação de 15 entidades da indústria canavieira. São elas:

  • Associação dos Produtores de Bioenergia do Estado do Paraná (Alcopar)
  • Associação dos Produtores de Bioenergia do Estado do Mato Grosso do Sul (Biosul)
  • Associação das Indústrias Sucroenergéticas do Estado de Minas Gerais (Siamig)
  • Sindicato da Indústria de Álcool dos Estados do Rio Grande do Norte, Ceará e Piauí (Sonal);
  • Sindicato da Indústria de Fabricação de Etanol do Estado de Goiás (Sifaeg)
  • Sindicato da Indústria de Fabricação de Álcool no Estado da Paraíba (Sindálcool-PB)
  • Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool no Estado de Alagoas (Sindaçúcar-AL)
  • Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool no Estado da Bahia (Sindaçúcar-BA)
  • Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool no Estado de Pernambuco (Sindaçúcar-PE)
  • Sindicato das Indústrias Sucroalcooleiras do Estado de Mato Grosso (Sindálcool-MT)
  • Sindicato dos Produtores de Açúcar, de Álcool e da Cana de União do Piauí (Sindaçúcar-PI);
  • Sindicato da Indústria Sucroenegética do Estado do Rio de Janeiro (Siserj);
  • Sindicato da Indústria de Produtos Químicos para Fins Industriais do Estado do Espírito Santo (Sindquímicos)
  • Sindicato de Produtos de Cana, Açúcar e Álcool do Maranhão e do Pará (Sindicanalcool)
  • União Nacional da Bioenergia (Udop)