Investimento

Desafios do mercado de CBios na visão de três especialistas

Ainda há inseguranças de que o ativo criado pelo RenovaBio será rentável e irá convencer os investidores


novaCana.com - 25 out 2018 - 11:47 - Última atualização em: 25 out 2018 - 13:48

Os CBios, créditos de descarbonização instituídos pelo RenovaBio, ainda têm uma longa caminhada a percorrer rumo à credibilidade no mercado financeiro. Os papéis são de ordem mais complexa do que ações, debêntures ou títulos convencionais e precificam algo novo: a redução das emissões de carbono no meio ambiente.

A valorização do conceito ambiental, entretanto, ainda está incerta no programa devido a, entre outros fatores, a complexidade do processo de validação da nota das usinas.

Assim, garantir que todos os pontos da cadeia – como a certificação dos produtores, a emissão dos papéis e a compra pelos investidores – estejam alinhados ainda é um tópico amplamente debatido pelo governo, por consultorias e pelo setor financeiro.

O NovaCana Ethanol Conference, que ocorreu em setembro, teve um painel específico para discutir o RenovaBio na bolsa de valores, que inclui tanto o ativo negociado (CBio) quanto, de forma mais abrangente, a visão do mercado em relação aos fundos de investimento verde.

A discussão, contudo, não esteve restrita a um painel específico. Outros palestrantes, ao longo de todo o evento, também desenvolveram suas visões sobre o CBio.

Leia mais:

- A credibilidade dos CBios versus a facilitação das emissões
- Pontos de complexidade do ativo financeiro
- Fluxo dos CBios no sistema financeiro
- Clareza de responsabilidades e os mecanismos para evitar fraudes
- Fatores que devem influenciar o preço dos CBios
- O teto criado pela multa atribuída às distribuidoras


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR