Investimento

BNDES reduz juros do programa Prorenova em 0,2 ponto percentual


Agência Estado - 24 abr 2020 - 07:17

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) informou hoje aos bancos, por meio da circular SUP/Adig 23/20202-BNDES, que reduziu parte dos juros do Programa BNDES de Apoio à Renovação e Implantação de Novos Canaviais (BNDES Prorenova).

Assim, a porção que cabia ao banco de fomento na composição dos juros totais, que era de 1,45% ao ano, passa a ser de 1,25%. A remuneração das instituições financeiras credenciadas, entretanto, continua limitada a 2,25%.

O BNDES Prorenova é um programa que tem por objetivo aumentar a produtividade da cana-de-açúcar no País, por meio do financiamento à renovação e implantação de novos canaviais com a utilização de variedades protegidas ou de clones potenciais de cana-de-açúcar. As demais condições do programa permanecem.

O setor sucroenergético vem passando por sérias dificuldades em decorrência da queda do consumo de biocombustíveis por causa do isolamento social imposto com a pandemia de coronavírus e também pela expressiva queda dos preços do barril de petróleo, que é concorrente direto do insumo. Ontem, a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse, em live promovida pelo banco Credit Suisse, que “está de olho” na questão do plantio de cana.

Tânia Rabello


Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail



x