Financeiro

Após cinco anos, usinas do grupo Lincoln Junqueira voltam a ter prejuízo em 2019/20

Somando os resultados das usinas da Alto Alegre e da unidade Alta Mogiana, perdas líquidas chegaram a R$ 107,98 milhões


novaCana.com - 21 out 2020 - 16:15

O balanço financeiro da safra 2019/20 de cana-de-açúcar trouxe números negativos para muitas empresas do setor. Entre elas está o grupo Lincoln Junqueira, que controla o conjunto de quatro unidades da Alto Alegre – três no Paraná e uma em São Paulo – e a usina Alta Mogiana, em São Joaquim da Barra (SP).

O resultado agrupado das unidades revela um prejuízo líquido de R$ 107,98 milhões na temporada. Deste total, R$ 19,91 milhões são referentes à Alta Mogiana e os R$ 88,07 milhões restantes correspondem à Alto Alegre. O número não equivale ao resultado completo do grupo, que controla outras companhias além das usinas de açúcar e etanol.

Este é o primeiro resultado negativo das unidades desde 2014/15, quando houve um prejuízo somado de R$ 81,24 milhões. Ainda assim, a Alto Alegre já havia apresentado números negativos na safra 2018/19, com perdas de R$ 31,61 milhões – o valor, porém, foi compensado pelo lucro de R$ 122,55 milhões registrado pela Alta Mogiana no período.

Leia mais no texto completo (exclusivo para assinantes):

- Histórico dos resultados das companhias
- Peso do impacto cambial e dos juros sobre o resultado
- Aumento do endividamento
- Melhora no desempenho operacional
- Relação entre receitas e custos


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR



Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail