Financeiro

Apesar do bom momento do setor, algumas usinas podem estar em situação financeira irreversível

Fitch manda mensagem para os investidores: novos calotes podem ocorrer


NovaCana - 19 nov 2015 - 10:15 - Última atualização em: 20 nov 2015 - 08:39

Apesar do bom momento que vive o setor, com preços elevados para o etanol e o açúcar, a situação financeira de algumas usinas podem ter alcançado um quadro irreversível. A agência de classificação de risco responsável por avaliar grupos sucroenergéticos que controlam 47 usinas no Brasil não está otimista. A mensagem que a Fitch Ratings transmitiu para os investidores na semana passada é de cautela e algum pessimismo.

O analista da Fitch, Claudio Miori, aponta para aqueles que estão aplicando dinheiro no ramo o que eles podem esperar para o setor nacional em 2016.

Na fala do analista fica claro que ainda é uma preocupação da agência a capacidade de refinanciamento de algumas companhias. A perspectiva da Fitch é que novos calotes ocorram.

A seguir os detalhes da análise.


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR



Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail