Financeiro

Agroterenas Cana lucra R$ 162,05 milhões e aprova geração de cédulas de produto rural

Aprovada de forma unânime pelos acionistas, a emissão pretende captar R$ 150 milhões


NovaCana - 30 set 2021 - 15:46

A Agroterenas Cana, uma das maiores fornecedoras de cana-de-açúcar do país, aprovou a emissão de cédulas de produto rural (CPRs) no valor de R$ 150 milhões. A reunião com os acionistas aconteceu no início de julho e teve sua ata publicada no Diário Oficial de São Paulo.

Os papéis servirão como lastro para a emissão de certificados de recebíveis do agronegócio (CRAs) de série única. Eles serão objeto de oferta pública com esforços restritos de distribuição, seguindo os termos da Comissão de Valores Imobiliários (CVM).

Dias depois da aprovação das CPRs, a Agroterenas Cana divulgou seu balanço financeiro. No exercício findo em março de 2021, a companhia teve um lucro de R$ 162,05 milhões, crescimento de 95,3% em relação à safra anterior.

Em 2020/21, a Agroterenas Cana também conseguiu melhorar o seu lucro bruto, que ficou em R$ 359,11 milhões. O valor representa um aumento de 92,2% ante os R$ 186,76 milhões vistos na safra anterior.

Confira mais detalhes e gráficos sobre os resultados financeiros da Agroterenas na reportagem completa, exclusiva para assinantes.


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR