BASF
Política

Calculadora do RenovaBio terá versão de teste a partir de março, dizem pesquisadores

A ferramenta, que permitirá o cálculo da Intensidade de Carbono dos biocombustíveis, está em fase final de desenvolvimento e poderá ser acessada em sua totalidade até março de 2018


Embrapa - 31 jan 2018 - 09:40 - Última atualização em: 01 fev 2018 - 09:12

Com a sanção presidencial da Lei 13.576/2017, que instituiu a Política Nacional de Biocombustíveis (RenovaBio), a equipe de pesquisadores, responsáveis pela RenovaCalc, permanece em plena atividade para que o aprimoramento e a validação da ferramenta ocorram entre meados de fevereiro e março de 2018.

De acordo com Marcelo Morandi, chefe geral da Embrapa Meio Ambiente, as premissas e cálculos estão sendo cuidadosamente verificadas para que a ferramenta traga aos seus usuários informações precisas e que respaldem suas estratégias comerciais.

“Nosso objetivo é fornecer conhecimento de maneira rápida, fácil e confiável àqueles interessados no programa. Para tanto, estamos trabalhando em diversas versões da RenovaCalc e, seguindo o cronograma de regulamentação, validaremos àquela mais adequada ao uso”, destaca.

A agenda do programa prevê eventos de apresentação da RenovaCalc ao setor produtivo em fevereiro e março. A pesquisadora e coordenadora do grupo técnico que está elaborando a ferramenta, Marília Folegatti, indica que “a expectativa é que até o final de março esteja disponível uma versão de teste da RenovaCalc para que os interessados possam se familiarizar e entender a lógica de funcionamento da ferramenta”.