PUBLICIDADE
BN novacana 1300x150
Política

Ciro Gomes ataca PEC dos combustíveis apoiada por Jair Bolsonaro

Pré-candidato à presidência afirma que projeto que propõe a redução de preços dos combustíveis é “truque eleitoral”


O Estado de S. Paulo - 14 jun 2022 - 08:13

O pré-candidato à presidência Ciro Gomes (PDT) classificou como “truque eleitoreiro criminoso” a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que propõe a redução de preços dos combustíveis no país.

“É um truque eleitoreiro criminoso. O governo Bolsonaro está propondo tirar dinheiro da saúde e da educação, que é basicamente provida pelos estados e municípios, para financiar o lucro exorbitante e selvagem do acionista minoritário (da Petrobras). Essa é a grande canalhice. E não é para resolver o problema, é para atravessar o período eleitoral até dezembro”, disse sobre a proposta enviada pelo Executivo ao Congresso.

A PEC dos Combustíveis, que tem o apoio do governo, propõe reduzir os impostos que incidem diretamente sobre combustíveis e o gás de cozinha com o intuito de conter o aumento dos preços desses produtos; valores que são definidos pelo dólar. A proposta, entretanto, impacta diretamente nas arrecadações dos estados, que perdem com a arrecadação do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

Como mostrou o Estadão, o Comitê Nacional dos Secretários de Fazenda dos Estados e do Distrito Federal (Consefaz) calculou que os estados já deixaram de arrecadar R$ 3,4 bilhões desde novembro com o congelamento do ICMS sobre os combustíveis.

Natália Santos


Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
Card image


x