Política

BBC elege etanol como um dos cinco temas que marcarão diálogo do Brasil com Obama


novaCana.com - 25 jan 2013 - 07:54 - Última atualização em: 29 jan 2013 - 16:44
obama-dilma-250113

A BBC Brasil em Londres ouviu analistas para saber como será a agenda da relação Brasil-Estados Unidos no segundo mandato de Barack Obama. Os especialistas informaram que a agenda deve ser menos política e mais pragmática e o foco seriam temas econômicos, como comércio e investimentos.

Com a ajuda de quatro especialistas a BBC Brasil elaborou uma lista de cinco temas que devem marcar a agenda bilateral Estados Unidos-Brasil – seja porque há perspectivas de avanços na cooperação, seja pela presença de desafios a serem enfrentados.

O mercado de etanol foi um dos cinco temas listados. Para a BBC, o projeto para o desenvolvimento de um mercado global de etanol, lançado ainda no governo George W. Bush, perdeu algum lustre diante da descoberta do pré-sal brasileiro e dos planos para a exploração das reservas de gás de xisto nos Estados Unidos, como explicam Anthony Pereira, diretor do Instituto Brasil da King's College London e Fernando Ayerbe, Coordenador do Instituto de Estudos Econômicos e Internacionais da Unesp.

Mas essa ainda é uma área de grande potencial para a cooperação bilateral no segundo mandato de Obama. Até porque o mercado dos Estados Unidos também caminha para a mistura de etanol à gasolina.

Os Estados Unidos derrubaram as barreiras para a entrada de etanol estrangeiro no país em 2011 – uma antiga demanda do Brasil.

Além das trocas comerciais, há projetos de cooperação na área de pesquisa sobre biocombustíveis, para o desenvolvimento de centros de produção em outros países e para a normatização dos padrões técnicos do etanol dos Estados Unidos e do Brasil.

Mais na agenda
Os demais temas foram: cooperação educacional, vistos para turismo e negócios, contencioso do algodão e acordo para evitar dupla tributação.

Peter Hakim, presidente do Inter-American Dialogue e Diego Bonomo, diretor para políticas públicas da seção americana do Conselho Empresarial Brasil-Estados Unidos completaram a lista de especialistas ouvidos.

A reportagem na íntegra pode ser acessada no site da BBC aqui.

novaCana.com
com informações da BBC Brasil