Etanol: Preços

Especialistas veem preços em alta, mas ainda competitivos, para o etanol

Valorização dos combustíveis fósseis dá margem para que as usinas peçam um pouco mais pelo biocombustível; atraso na safra também deve influenciar


Canal Rural - 23 fev 2021 - 16:02

O preço do etanol hidratado na usina já subiu 12% na semana passada e devem continuar em alta nesta semana, segundo a Datagro. “Há perspectiva de que as usinas do Centro-Sul vão atrasar o início da safra 2021/22 levando em consideração o atraso no desenvolvimento da cana por conta da seca e da irregularidade de chuvas”, diz o economista da consultoria Bruno Wanderley.

Segundo o diretor executivo do Sindicato das Indústrias Sucroalcooleiras de Mato Grosso (Sindalcool-MT), Jorge dos Santos, isso é natural, já que os combustíveis fósseis também estão em alta. “Depende muito do equilíbrio entre oferta e demanda. Se o etanol continuar mais competitivo do que a gasolina por muito tempo, ele vai subir”, afirma.

O diretor técnico da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica), Antônio de Pádua Rodrigues, afirma que o etanol tem preços muito competitivos por conta de uma distribuição eficiente. “Temos uma política tributária muito inteligente por parte do governo de Mato Grosso, que preserva os empregos, mais de 10 que geramos aqui no estado, e com isso conseguimos atingir o consumidor com preços competitivos”, pontua.

Rodrigues destaca que a pandemia reduziu bastante o consumo de etanol, mas a demanda vem dando sinais de melhora. “Havendo a retomada da atividade econômica, com todo rigor, poderemos atingir os mesmos níveis de 2019”, diz.


Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail



x