Etanol: Preços

Depois de três meses de alta, preço do etanol começa a cair nos postos

Apesar da queda, etanol continua largamente desvantajoso em relação à gasolina


novaCana.com - 08 abr 2016 - 17:46

Destaques:

- Na média nacional relação de preço entre o etanol e a gasolina caiu quase 1% e ficou em 76,5%, contra 77,4% da semana anterior (veja gráfico abaixo).

- É a primeira vez em três meses que a diferença entre os dois combustíveis apresenta queda.

- Em todo Brasil, os postos de São Paulo foram os que registraram maior redução no preço do etanol: -1,92%.


Diferença de preço entre etanol e gasolina nos postos do Brasil nos estados

Depois de quedas durante duas semanas consecutivas nos preços do etanol hidratado nas usinas, o movimento finalmente começa a se refletir nos preços para o consumidor final.

Os dados recém divulgados pela ANP mostram que, nesta semana, onze estados apresentaram queda nos valores cobrados nos postos de combustível para o etanol hidratado, frente a outros quinze que registraram alta.

Mesmo caindo em menos estados quando comparado com o combustível fóssil, o arrefecimento do preço etanol na média nacional foi mais acentuado, refletindo numa relação de 76,5% sobre o valor da gasolina. O indicador na semana anterior foi de 77,4%.

É a primeira vez em três meses que o índice cai em relação a semana antecedente. A última vez que a relação entre o etanol e a gasolina deu uma leve trégua foi na semana de 3 de janeiro. Após esse período, o indicador seguiu batendo recordes semana a semana.

Estados

Em São Paulo, a queda no valor cobrado pelo biocombustível nos postos chegou a 1,92%, fazendo com que a relação com os preços da gasolina diminuísse, de 76,8% para 76%. O preço de venda nos postos para o etanol hidratado foi de R$ 2,703.

No Paraná, o índice que marca a relação com o combustível fóssil chegou a 77,8%, após marcar 78,3% na semana anterior. No estado, o etanol combustível foi comercializado a R$ 2,864, um valor 1,07% menor.

O outro estado que seguiu o comportamento, após sucessivas elevações dos preços do etanol, foi Minas Gerais. Os postos mineiros experimentaram uma queda de 0,87% nos preços, resultando em um etanol comercializado em média R$ 2,949. No estado, o preço do etanol representa 78,4% do valor de comercialização da gasolina. 

Em detalhe 

Gráficos avançados e filtros interativos sobre o comportamento dos preços estão disponíveis aqui (exclusivo assinantes).

O evolutivo dos preços de todos os estados desde 2001 pode ser acessado aqui.

Comparativo de preço do etanol hidratado nos estados

Para saber quais são as cidades com menor paridade e as cidades com os maiores preços de etanol e gasolina acesse a planilha interativa.

São Paulo

No principal estado produtor e consumidor do país, a cotação do etanol hidratado ao consumidor subiu 0,44% na semana passada, com o renovável de cana sendo comercializado em média a R$ 2,756. No período de um mês, o estado acumula uma valorização de 2,6% nos preços cobrados pelo combustível de cana.

Na última semana o preço do etanol no estado representou 76,8% dos valores da gasolina, comercializada a R$ 3,589 no mesmo período.

Mato Grosso

O estado acumula no período de um mês uma queda de mais de 2% nos preços cobrados ao consumidor pelo etanol hidratado. Na última semana, o renovável de cana registrou uma queda de 0,63%, frente ao decréscimo de 0,11% nos preços da gasolina no mesmo período.

Com um valor que representa 71,4% do preço de comercialização da gasolina, hoje o Mato Grosso é o estado em que traz a melhor relação de consumo para o renovável de cana.

Goiás

No estado, o maior aumento dos preços ampliaram a desvantagem para o consumo do biocombustível. O preço do etanol no estado, comercializado a R$ 2,973 na última semana, equivaleu a 75,7% do valor da gasolina.  

Tabela de preço por estado, variação, paridade e % de consumo

Os preços do etanol e da gasolina por região, estado ou cidade desde 2001 estão disponíveis na planilha interativa  (exclusivo para assinantes).

novaCana.com