Etanol: Preços

[Cepea] Procura por etanol diminui e cotações recuam novamente nas usinas de São Paulo


Cepea/Esalq - 30 jun 2020 - 09:52

O volume de etanol hidratado negociado no mercado spot paulista na última semana permaneceu praticamente estável, enquanto o preço do biocombustível seguiu em queda. Segundo colaboradores do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq-USP, a demanda diminuiu e apenas compras pontuais foram realizadas no período.

Entre 22 e 26 de junho, o Indicador Cepea/Esalq do hidratado fechou a R$ 1,6166/litro (sem ICMS e sem PIS/Cofins), recuo de 2,66% em relação ao do período anterior.

O Cepea lembra que, ao longo de junho, as cotações subiram na primeira quinzena, mas caíram na segunda. Além do recuo da demanda, a necessidade de parte das indústrias de “fazer caixa” também pressionou as cotações, tendo em vista que vendedores estiveram mais flexíveis nos preços negociados.

A comercialização do etanol hidratado sem ICMS (“diferido”) também influenciou a baixa na média paulista, mesmo que negócios dessa operação não sejam computados no Indicador do Cepea.

No caso do etanol anidro, o Indicador Cepea/Esalq também recuou ligeiro 0,27%, fechando a R$ 1,8712/litro (sem PIS/Cofins). A demanda pelo anidro teve forte desaceleração, resultando em expressiva queda no volume negociado pelas distribuidoras no mercado spot.