PUBLICIDADE
BN novacana 1300x150
Etanol: Preços

BM&FBovespa lança incentivos para elevar liquidez no mercado de etanol


Agência Estado - 26 abr 2016 - 15:53 - Última atualização em: 27 abr 2016 - 08:38

Buscando aumentar a liquidez do mercado futuro de etanol, a BM&FBovespa está lançando incentivos financeiros para atrair agentes dispostos a operar esses contratos, que até hoje não deslancharam na bolsa brasileira. Além de isenção de taxas, haverá devolução monetária para os operadores.

"Vamos praticamente pagar para que entrem na Bolsa. Isso, claro, até o mercado se firmar", destacou o presidente da Câmara de Açúcar e Etanol da BM&FBovespa e diretor Comercial da Usina Alta Mogiana, Luiz Gustavo Junqueira, durante palestra no F.O. Lichts Sugar & Ethanol Brazil, evento anual da consultoria realizado em São Paulo.

A Usina Alta Mogiana já atua como formador do mercado futuro de etanol, uma iniciativa da bolsa também voltada a dar liquidez a essa commodity. "É um aprendizado para nós, algo que não tínhamos feito no passado."

A atuação obrigatória pela companhia neste mercado se iniciou em 14 de março. O contrato futuro de Etanol Hidratado (ETH) é cotado em reais por metro cúbico, tem como objeto de negociação o etanol hidratado combustível e tamanho de 30 metros cúbicos, equivalente a 30 mil litros.

Até setembro de 2016, o formador deverá ter o tempo de presença diária em pregão de 2 horas nas últimas 4 horas de negociação, possibilitando ampliar a formação de preços no mercado futuro de hidratado.

Junqueira também destacou que a bolsa buscará fazer a transição de contratos físicos para negociação na BM&FBovespa, bem como procurar mais agentes para operar nesse mercado, a exemplo de tradings.


Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
Card image


x