BASF
Etanol: Importação

Copersucar e Raízen estão entre as três empresas com mais pedidos de importação de etanol em 2018

Pedidos de importação de etanol bateram recorde em 2017, mas, apesar de elevado, tiveram desaceleração em 2018


novaCana.com - 24 mai 2018 - 09:45

Aquecido desde outubro de 2016, o mercado de importação de etanol tem atraído a atenção de muitas empresas, especialmente em um contexto de grande produção de etanol de milho nos Estados Unidos e onde as usinas brasileiras priorizavam a produção de açúcar. Com a queda no preço internacional do adoçante, essa tendência pode começar a mudar.

A partir dos pedidos de importação de etanol é possível saber quais são as empresas interessadas no etanol estrangeiro e o volumes esperado para cada uma delas.

Apesar de não existir uma relação clara entre as licenças de importação e o volume efetivamente importado pelas companhias, divulgado pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), os pedidos de importação demonstram a variação do interesse das companhias pelo etanol externo ao longo da safra.

Confira o texto completo e gráficos com informações sobre:

- Ranking das importadoras com maior volume solicitado em 2017
- Ranking das importadoras com maior volume solicitado até março de 2018
- Solicitações de importação versus importação efetiva
- Evolução dos pedidos de importação mês a mês
- Número de empresas solicitantes

exclusivo assinantes

O texto completo desta página
está disponível apenas aos assinantes do site

veja como é fácil e rápido assinar

ou


Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail