Etanol: Mercado: Futuro

Fitch vê perspectiva estável para açúcar e etanol no Brasil


Valor Econômico - 08 jan 2013 - 08:39

A agência de classificação de risco Fitch divulgou hoje relatório em que avalia ser estável a perspectiva para o setor de açúcar e etanol do Brasil em 2013. Na avaliação da agência, essa estabilidade está sendo suportada pelo aumento das estruturas de capital das companhias, pela recuperação da produtividade dos canaviais e por um aumento da flexibilidade industrial das usinas em produzir açúcar e etanol.

"Os fundamentos de mercado estáveis estão baseados em preços mais rentáveis, graças a uma demanda global robusta e a níveis de estoques ainda baixos da commodity", segundo detalha o relatório. O documento acrescenta ainda que o aumento da demanda por etanol no Brasil é positiva para os fundamentos de preços.

A Fitch espera que, na média, os preços internacionais do açúcar fiquem em 20 centavos de dólar por libra-peso nos próximos 12 meses, comparado com a média de 23 centavos de dólar por libra-peso das últimas três safras.

Quando combinado com a fraqueza da moeda brasileira, o real, o preço projetado da commodity pode ainda resultar em razoáveis retornos para as companhias com baixo custo médio.

A Fitch estima relativa estabilidade nos preços domésticos do etanol em 2013, independentemente de qualquer aumento nos preços da gasolina e assumindo a manutenção da mistura de 20% de anidro na gasolina.

O recorde de vendas de veículos flex-fuel deve ainda continuar a suportar uma forte demanda local por etanol.

Fabiana Batista