BASF
Etanol: Exportação

O tamanho do mercado de etanol que os EUA abriram para o Brasil


novaCana.com - 02 dez 2015 - 14:59 - Última atualização em: 03 dez 2015 - 08:10

O Brasil ganhou mais espaço do que se esperava para enviar etanol de cana aos Estados Unidos em 2016. O novo mandato que determina o uso de biocombustíveis naquele país, definido pela Agência de Proteção Ambiental (EPA, na sigla em inglês) no último dia 30, ampliou o potencial de exportação do renovável tupiniquim.

Apesar das usinas brasileiras terem recebido as novas metas com animação, nos EUA nenhum dos agentes envolvidos ficou satisfeito. A fala de executivo de um grupo de refino de petróleo resumiu bem o sentimento: “Eles (EPA) conseguiram alienar todos, fazer todo mundo ficar com raiva”, disse o vice-presidente da Tesoro, Stephen Brown, para emendar “o que eu acho que é a essência de uma boa regra”.

O portal novaCana fez as contas do volume de etanol que as usinas brasileiras poderão enviar aos EUA no âmbito Padrão de Combustíveis Renováveis (RFS, na sigla em inglês) e, apesar de animar o setor, o espaço não é tão otimista quanto o divulgado hoje pelo Valor Econômico.

exclusivo assinantes

O texto completo desta página
está disponível apenas aos assinantes do site

veja como é fácil e rápido assinar

ou


Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail