Etanol: Exportação

Com preços em queda, exportação brasileira de etanol segue em alta


novaCana.com - 19 dez 2012 - 11:45 - Última atualização em: 29 nov -1 - 20:53

As exportações do setor sucroalcooleiro somaram US$ 1,65 bilhão no mês de novembro, 87% desse valor saiu do país na forma de açúcar e o restante como etanol. Apesar do volume de açúcar exportado ter aumentado 15% e o de etanol 26% em relação a novembro de 2011, o valor pago por estes produtos foi 18% e 17% menor, respectivamente.

O setor foi o principal exportador de produtos do agronegócio, de acordo com informações da Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), a partir dos dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic).

Sobe e desce
O açúcar é o principal item de exportação do setor, com US$ 1,43 bilhão em vendas. Apesar de ter havido um aumento de 15,3% na quantidade exportada de açúcar, a queda do preço médio em 18,7% foi a grande responsável pela diminuição da receitano mês passado.

A quantidade de álcool exportada em novembro de 2012 foi de 255 mil toneladas, um aumento de 26,5% em relação ao mesmo mês do ano anterior. Entretanto, com a defasagem do preço médio em 17,4% no mesmo período, as exportações de álcool tiveram aumento de apenas 4,4%, em termos de valor.

Acumulado do ano
Entre janeiro e novembro de 2012, as exportações do complexo sucroalcooleiro somaram US$ 13,55 bilhões. Houve, porém, queda de 10,5% no volume financeiro, quando se compara com o mesmo período do ano anterior.

O setor foi um dos que apresentou maiores quedas do agronegócio, com uma diferença de US$ 1,60 bilhão na comparação entre os períodos.

Esse resultado decorre da queda nas vendas de açúcar, que sofreram redução de 9,4% no preço e de 7% na quantidade.

A redução de 64,6% nas vendas do produto para a Rússia (de US$ 1,83 bilhão para US$ 647,8 milhões) foi responsável por mais da metade da queda nas vendas totais do produto brasileiro. Por outro lado, o volume de álcool exportado aumentou 49,1%, mas com uma queda de 3,5% no preço pago pela tonelada.

Entre janeiro e novembro, as exportações do agronegócio em geral somaram US$ 88,65 bilhões, o que representou incremento de 1% em relação ao mesmo período do ano anterior. As importações foram de US$ 15,09 bilhões, ou seja, 5% inferiores a 2011. Como resultado, o saldo da balança comercial do agronegócio foi positivo: US$ 73,56 bilhões.

novaCana.com