Etanol: Exportação

Exportações brasileiras de etanol crescem 9% no acumulado de 2020

Em abril, país comercializou 80,49 milhões de litros do biocombustível, um crescimento de 1.822,4% ante o mesmo mês de 2019


novaCana.com - 11 mai 2020 - 08:51

Apesar da queda no preço internacional do etanol, as exportações das usinas brasileiras seguem superiores em relação ao ano passado. No acumulado de 2020, o país embarcou 380,72 milhões de litros do biocombustível, 9% a mais que os 349,3 milhões vistos de janeiro a abril de 2019.

Apenas em abril, foram exportados 80,49 milhões de litros, um crescimento de 15,8% na comparação com março deste ano. O valor ainda representa um impressionante aumento de 1.822,4% no comparativo anual – porém abril de 2019 foi um mês de desempenho particularmente fraco, com a exportação de apenas 4,1 milhões de litros.

Os dados foram divulgados na última sexta-feira (8) pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex), do Ministério da Economia.

O resultado já era esperado devido à queda nos preços do etanol no mercado doméstico e à desvalorização do real frente ao dólar. Ambos os fatores estimulam as exportações.

Ainda assim, os preços internacionais não estão particularmente vantajosos para o renovável brasileiro. Em abril, o preço médio para o produto exportado foi de R$ 569,36/m³, um valor 5,7% inferior ante março e 21,5% menor que o registrado em abril de 2019.

Exportações 2020 block2

etanol 02 tabela 3 anos block 2020

novaCana DATA (exclusivo para assinantes)

novaCana.com


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR



Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail