PUBLICIDADE
ARMAC
Etanol: Mercado

[Unica] Atualização da produção de etanol 2021/22 – 1ª quinzena de fevereiro

Com aumento de competitividade, venda de etanol hidratado ensaia recuperação frente a janeiro


NovaCana - 24 fev 2022 - 11:23

Na primeira quinzena de fevereiro de 2022 não houve processamento de cana-de-açúcar por parte das unidades produtoras da região Centro-Sul, aponta levantamento publicado hoje, 24, pela União da Indústria de Cana-de-açúcar (Unica).

Mesmo assim, foram fabricados 157,24 milhões de litros de etanol a partir do milho, representando um aumento de 38,8% em relação ao mesmo período do ano de 2021. Do total produzido, o etanol hidratado representa 107,61 milhões de litros (+30,7%) e o anidro 49,63 milhões de litros (+60,2%).

Entretanto, por conta do reprocessamento de etanol realizado por usinas de cana-de-açúcar, o saldo da quinzena é de um acréscimo de 30 milhões de litros à produção de anidro (-25,5%) e 129 milhões de litros a de hidratado (+40%).

tabela unica 24.02.22

Desta forma, a safra 2021/22 agora acumula 27,04 bilhões de litros de etanol produzidos (-8,9%), dos quais 3,04 bilhões são provenientes do processamento do grão (+37,4%).

tabela unica acumulada 24.02.22

quinzena 05 dados acumulados block 120521

Comercialização

A Unica ainda destaca que, quanto à comercialização de etanol pelos produtores, as vendas de hidratado no mercado interno alcançaram 569,57 milhões de litros. O volume representa um aumento de 21,64% sobre o montante apurado na segunda quinzena de janeiro (468,23 milhões de litros).

A quantidade comercializada de etanol anidro na primeira quinzena de fevereiro 2022, por sua vez, registrou variação positiva de 18,17%, com 449,44 milhões de litros vendidos ante 380,33 milhões de litros na quinzena passada.

O diretor técnico da Unica, Antonio de Padua Rodrigues, comenta que, a despeito da queda no volume comercializado de hidratado quando comparado com o ano de 2021, há uma “suave recuperação” em comparação com os volumes comercializados nas duas quinzenas de janeiro. “Em relação à segunda quinzena deste mês, o avanço foi de 21,64%”, completa.

O executivo ainda acrescenta que “esse movimento favorável é resultado da maior competitividade do etanol hidratado frente a gasolina nas principais regiões consumidoras do país”.

Mais informações

NovaCana


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR


Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
STOLLER
x