Etanol: Mercado

ANP autoriza venda de 8 milhões de litros de etanol para a Logum Logística

Produto será fornecido pelos grupos São Martinho, Batatais e BP Bunge


NovaCana - 11 dez 2020 - 11:13

Em documento publicado no Diário Oficial da União, a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) confirma que autorizou a venda de 8 milhões de litros de etanol hidratado para a Logum Logística. O assunto já havia sido tema de deliberação em reunião da diretoria colegiada da agência no começo de dezembro.

Deste volume, 3 milhões de litros serão fornecidos pela usina São Martinho, do grupo de mesmo nome e localizada em Pradópolis (SP). Outros 3 milhões virão da unidade Moema, da BP Bunge, em Orindiúva (SP). Por fim, os 2 milhões de litros restantes serão ofertados pela usina Batatais, do grupo de mesmo nome, localizada no município paulista homônimo.

Conforme o documento, o biocombustível será utilizado para “composição de lastro em instalações de transporte”.

No documento da Transpetro que estabelece as regras operacionais e comerciais entre a companhia e as carregadoras, como é o caso da Logum, o lastro é definido como o “volume mínimo necessário a ser mantido imobilizado para viabilizar a operação segura do tanque e de seus sistemas de medição e bombeio, que não pode ser removido em condições normais de operação”.

O material, disponibilizado para consulta pela ANP, estabelece que as carregadoras devem manter em seus tanques uma quantidade de biocombustível compatível com os volumes movimentados. “Em conjunto, [estes volumes] vêm a formar o lastro do tanque na direta proporção de sua movimentação média no período precedente”, coloca.

Assim, segundo as regras, as retiradas de biocombustível no terminal só podem acontecer quando o estoque for superior ao volume mínimo estabelecido.

novaCana.com


Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail



x