Etanol: Abastecimento

Estoque de anidro do CS começa a cair, mas está 16% mais elevado no ano [21 gráficos]

Ao final da primeira quinzena de novembro, volume total de etanol armazenado estava em 10,08 bilhões de litros


NovaCana - 25 nov 2021 - 14:23

Na primeira quinzena de novembro, as usinas de etanol do Centro-Sul se mantiveram vendendo mais do que produzindo. Com isso, a posição dos estoques caiu para 10,08 bilhões de litros ao final do período, uma retração de 2% em relação aos 10,28 bilhões de litros vistos no começo do mês.

Os números foram divulgados nesta quarta-feira, 24, pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), e representam a segunda quinzena consecutiva de diminuição nos estoques do biocombustível.

O volume armazenado é 12,2% menor do que os 11,48 bilhões de litros contabilizados no mesmo período do ano passado. Em comparação com os 10,99 bilhões de litros estocados em 16 de novembro de 2019, a retração é de 8,3%.

Em São Paulo, maior estado produtor e consumidor do biocombustível, os estoques de etanol totalizavam 5,4 bilhões de litros, queda de 16,1% ante o observado um ano antes. Deste volume, 2,59 bilhões de litros eram de anidro (+9,4%) e 2,81 bilhões de litros de hidratado (-30,9%).

etanol 01 total 030521 block

etanol 04 total estados 030521 block

Anidro

Durante as duas primeiras semanas de novembro, a estocagem caiu para os dois tipos de biocombustível. O anidro, que ainda mantinha uma tendência de alta, teve uma retração quinzenal de 0,36%, indo de 4,49 bilhões de litros no começo do mês para 4,48 bilhões de litros em 16 de novembro. Na comparação anual, entretanto, há um aumento de 15,7%.

Em relação ao mesmo período de 2019, antes da queda no consumo de combustíveis causada pela pandemia de covid-19, os atuais níveis dos tanques de anidro estão 19,9% mais altos.

De acordo com dados da União da Indústria da Cana-de-açúcar (Unica), na primeira quinzena do mês, a fabricação de anidro na região Centro-Sul sofreu uma redução de 23,9% na comparação anual, totalizando 381,5 milhões de litros. Com a queda nos estoques, é possível perceber que o volume comercializado ultrapassou a produção.

Ainda segundo a Unica, a queda no volume fabricado ocorreu devido à menor quantidade de matéria-prima disponível para processamento.

etanol 02 anidro 030521 block

etanol 04 hidratado estados 030521 block

Hidratado

Já o etanol hidratado segue a tendência de queda nos estoques já observada no período anterior. Entre o final de outubro e a metade de novembro, o total armazenado caiu 3,2%, indo de 5,78 bilhões de litros para 5,6 bilhões de litros. Na comparação anual, a retração chegou a 26,5%.

Além disso, a diminuição na produção de etanol hidratado foi de 46,5% segundo a Unica. Conforme a entidade, foram fabricados 359,9 milhões de litros na primeira quinzena de novembro.

O diretor técnico da entidade, Antônio de Pádua Rodrigues, ainda reforça que o setor tem priorizado a produção de anidro, mesmo com a queda nos níveis de moagem. Ele arescenta que os produtores do Centro-Sul deixaram de fabricar mais de 1,5 milhões de toneladas de açúcar para focar na produção no biocombustível, mesmo com a queda expressiva no consumo de hidratado.

etanol 02 hidratado 030521 block

etanol 04 anidro estados 030521 block

NovaCana DATA (exclusivo assinantes)

Giully Regina – NovaCana


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR



PUBLICIDADE FMC_VERIMARK_INTERNO FMC_VERIMARK_INTERNO

Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
STOLLER
x