Postos de combustíveis

Postos de combustíveis terão de cortar uma casa decimal no preço

Medida, que foi definida no fim do ano passado, entra em vigor em maio


Folha de S. Paulo - 13 abr 2022 - 07:37

Os postos se preparam para uma nova mudança que vai mexer nos preços dos combustíveis: o corte da terceira casa decimal.

Pela medida, que foi definida em resolução da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustível (ANP) no fim do ano passado e entra em vigor em maio, os preços por litro de todos os combustíveis de automóveis deverão aparecer nos postos com apenas duas, e não mais três, casas depois da vírgula.

Quando anunciou a medida, a ANP dizia que ela poderia facilitar o entendimento do consumidor, mas a mudança não agrada muitos donos de postos.

A avaliação é que isso pode acabar elevando o custo para o motorista no fim das contas. A tendência é que o arredondamento seja feito para cima, de modo a não prejudicar o caixa dos estabelecimentos.

Pelas contas de um dono de posto, o corte da terceira casa decimal sem arredondamento para cima poderia reduzir em centavos a conta de um consumidor final que enche o tanque, mas diminuiria o caixa do estabelecimento em milhares de reais no fim do mês.

Joana Cunha e Andressa Motter


PUBLICIDADE FMC_VERIMARK_INTERNO FMC_VERIMARK_INTERNO

Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
STOLLER
x