2ª Geração

Novozymes fornecerá enzimas para usina 2G da Raízen


novaCana.com - 18 set 2013 - 12:13 - Última atualização em: 19 set 2013 - 09:12

A fabricante dinamarquesa de enzimas Novozymes anunciou nesta quarta-feira (18) que fechou um acordo de colaboração com a Raízen Energia, joint venture entre Cosan e Shell, fornecendo tecnologia de enzimas para a primeira usina de etanol celulósico da empresa. De acordo com nota da companhia dinamarquesa, as enzimas serão desenvolvidas com foco no processo da Raízen.

O acordo também estabelece o fornecimento de enzimas a uma possível segunda unidade de produção de etanol 2G da Raízen, caso ela seja construída.

A primeira unidade será integrada à unidade de Piracicaba e terá capacidade para produzir 40 milhões de litros do biocombustível de segunda geração a partir do bagaço e da palha de cana-de-açúcar. A perspectiva é de que a usina entre em operação até o final de 2014.

Aumento da produção de enzimas no Brasil

Impulsionada pelo acordo, a Novozymes divulgou ainda a informação de que pretende aumentar a capacidade de produção de enzimas no Brasil. Contudo, a empresa declara que: "O tamanho exato, a localização e os investimentos a serem feitos para esta fábrica de enzimas ainda serão decidido e dependem da estimativa de demanda para tecnologia de enzimas no país".

Vivian Faria - novaCana.com
Com informações da assessoria de imprensa da Novozymes


Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail