PUBLICIDADE
BN novacana 1300x150
Mercado

Produção de cana é afetada por gargalo na cogeração de energia


Agência Estado - 20 mar 2013 - 09:38 - Última atualização em: 29 nov -1 - 20:53

O presidente da consultoria Datagro, Plinio Nastari, avalia que o "gargalo da cogeração" de energia é uma das principais causas para os poucos investimentos em expansão da capacidade de produção de cana-de-açúcar. "Sem cogeração fica difícil expandir só com greenfield (novos projetos)", comentou em coletiva realizada em São Paulo, referindo-se à criação de novas usinas.

Cogeração é o processo pelo qual o calor produzido na geração elétrica é usado no processo produtivo sob forma de vapor. No caso da cana, é utilizada a palha da cana para produção de energia. De acordo com Nastari, só na Região Sudeste o potencial de energia é de 19,8 mil MW. No entanto, trata-se de algo subaproveitado. O presidente da Datagro prevê que, em 2015, apenas 9.537 MW da capacidade instalada serão gerados a partir da cogeração em todo o Brasil.


Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
Card image


x