Cana: Safra / Moagem

Datagro reduz projeções para moagem de cana, produção nacional de açúcar e excedente global


Agência Estado - 24 mai 2018 - 07:50

A Datagro Consultoria reduziu, nesta quarta-feira (23), a estimativa de processamento de cana-de-açúcar e de produção de açúcar e etanol no Centro-Sul do Brasil na safra 2018/19, iniciada em 1º de abril.

A moagem prevista é de 564 milhões de toneladas, ante 573 milhões de toneladas na projeção anterior e 596,3 milhões de toneladas no fechamento da safra 2017/18. As condições climáticas e a baixa renovação dos canaviais seguem como os motivos principais apontados para a redução prevista na oferta de cana.

A Datagro diminuiu também, de 30,8 milhões de toneladas para 30,05 milhões de toneladas, a estimativa de oferta de açúcar na região, contra um fechamento de 36,06 milhões de toneladas em 2017/2018.

A produção de etanol deve ser de 26,85 bilhões de litros no Centro-Sul em 2018/2019, segundo a Datagro, leve queda ante o total de 26,91 bilhões de litros da previsão anterior, feita em abril, e pequeno aumento sobre o total de 26,09 bilhões de litros de 2017/2018. O mix de destino da cana deve ficar em 58,5% para o etanol e 41,5% para o açúcar.

A moagem de cana na região Norte-Nordeste do Brasil, que começa apenas no segundo semestre, é estimada em 47 milhões de toneladas, com 2,46 milhões de toneladas de açúcar e 2,01 bilhões de litros produzidos.

Superávit global de açúcar

A Datagro ainda reduziu a estimativa de superávit global de açúcar na safra 2017/18 – no período de outubro do ano passado a setembro deste ano – de 10,79 milhões para 10,36 milhões de toneladas. Já a previsão de excedente global para a próxima safra recuou de 7,6 milhões de toneladas para 4,78 milhões de toneladas entre os relatórios feitos em abril e nesta quarta-feira.

Segundo a consultoria, o recuo estimado para a safra global 2018/19 ocorre por causa da perspectiva negativa para a produção de açúcar no Centro-Sul do Brasil em 2019/20 (a partir de abril de 2019) devido às condições climáticas ruins e à baixa taxa de renovação dos canaviais.